Festa será na Pedland · 11/10/2019 - 12h12

Jovem empresário promove festa em prol dos animais no dia do aniversário


Compartilhar Tweet 1



Construir uma sociedade ideal está cada vez mais próximo da nossa realidade, e já é prioridade na vida de muitos jovens que se dispõem a abraçar uma causa social. Cada um tem suas preferências, mas, no geral, o ponto de convergência é um só: fazer a sua parte. Encontrar jovens que pensam e agem assim, além de inspirar, nos motivam a entender que cada um pode contribuir, de alguma forma, para um futuro melhor.

Em tempos estranhos, o coração pulsa mais forte para resistir, para apoiar e para construir uma sociedade mais equilibrada. Percebemos que, diante de tudo isso, a maior resistência de uma pessoa frente a tantos problemas é abraçar uma causa social, olhar para  o outro... e quando o outro é um amigo de 4 patas isso é bem interessante. 

Exemplos como o do jovem empresário Victor Linhares apontam que realmente as mudanças que precisamos começam dentro de nós. O administrador Victor Linhares, assina um longa trajetória de atos transformadores através de ações sociais. Desde os 16 anos é envolvido com políticas públicas, e conseguiu colocar em prática um sonho de anos: uma plataforma de ajuda aos animais. Há dois anos ele lançou o movimento  “ 4 mãos 4 patas”  entre os amigos e familiares. A proposta do movimento é ser uma interface entre quem quer ajudar e quem precisa de ajuda, no caso as ONGs, abrigos e voluntários do  mundo Pet. O  movimento “4 mãos 4patas” é um facilitador de adoção, doações, resgate e cuidados animais necessários. 

Mais as iniciativas não param por aí, esse ano, seu aniversário será diferente. A festa programada vai muito além da comemoração de mais um ano de vida de Victor. A festa com o tema Adoção ou Doação tem objetivo claro: substituir os tradicionais presentes por contribuições.

 “A ideia é propor um novo olhar para os animais abandonados e,  quem sabe encontrar mais voluntários, mais empatia e respeito para os animais”, afirmar Victor. 

Iniciativas como as do Victor, mostram que os jovens estão indo além do ativismo digital, estão realmente se engajando  e abraçando  uma causa. 

“Sempre ouvimos que nós devemos ser a mudança que queremos para o mundo. Mas como fazer? Podemos começar fazendo a nossa parte. Chamando os amigos, mostrando a cara, assumindo os riscos. Eu cresci ouvindo uma frase `aquele que faz o bem, recebe o bem em troca.´ Fazer o bem e ser parte da melhoria da sociedade  é um sentimento maravilhoso, que nos faz perceber que apenas pela coletividade conseguiremos melhorar o mundo, afirma

Para maiores informações (e inspiração) é só seguir @quatromaosquatropatas. 
Ao ser perguntado porque esse nome, Victor foi enfático em afirmar que “não fazemos nada sozinho. Juntando as minhas mãos às suas, nós podemos mais”.

 


Fonte: AsCom

Comentários