Vive cheio de agrados · 13/10/2019 - 11h29

Cachorro resgatado de lixão se torna mascote da PM em SC


Compartilhar Tweet 1



Calmo, sociável e brincalhão. Assim é Mike, um vira-lata que conquistou policiais militares em Penha (SC). Resgatado de um lixão, ele foi adotado e hoje vive cheio de agrados na 3ª Companhia do 25º Batalhão.

"Foi amor à primeira vista", resume o capitão Bruno Monteiro, comandante da companhia.

    Reprodução PM-SC

Segundo ele, a equipe já procurava um mascote quando foi alertada por uma voluntária sobre o cãozinho achado no lixão.

Agora, além de transformar o dia a dia dos PMs, Mike deve estrelar campanhas e ajudar a sensibilizar a população contra o abandono e maus-tratos de animais. "O caso dele vai ser alvo de algumas campanhas relacionadas a ONGs de proteção, vai aparecer num calendário", afirma o policial.

O novo integrante da corporação teve o nome definido por votação em rede social. Por ali também ele foi apresentado, no começo de setembro.

Acompanhando fotos do vira-lata -que parece sorrir no colo de um policial ou bem confortável no carro da PM-, um texto chama a atenção para o amor envolvido em uma adoção e o benefícios da presença do animal -como dar leveza a um dia de trabalho pesado.

"Adotar é um ato de amor. Uma vida precisou de ajuda. Nós acolhemos. E cuidaremos dele e o protegeremos até o fim de seus dias. Cada um dos nossos que retornar de uma ocorrência será, agora, recebido por ele, com amor, com gratidão e haverá reciprocidade. Um dia embrutecido, uma rotina em que a violência e a crueldade espreitam-nos em cada esquina, agora será finalizado com suavidade, com leveza. Haverá uma bolinha a ser jogada, um pelo áspero a ser afagado, um nariz úmido farejando os coturnos, um abanar de causa demonstrando a felicidade por nosso retorno", diz um trecho.


Comentários