'Tudo por vaidade' · 20/09/2020 - 17h24 | Última atualização em 20/09/2020 - 17h40

Enfermeira que morreu após lipoaspiração em THE é atacada na web: 'Tudo por vaidade'


Compartilhar Tweet 1



Enfermeira morre após procedimento estético em Teresina
Enfermeira morre após procedimento estético em Teresina    Reprodução / Facebook

A morte da enfermeira Jessyca Maria Alencar da Silva, de 29 anos, ocorrida nessa sexta-feira (18/09), após fazer uma cirurgia plástica de lipoescultura na Unimed Primavera, causou comoção nas redes sociais. Muitos internautas lamentaram o caso e outros aproveitaram a situação para criticarem a vítima.

"Por vaidade a pessoa procura a própria morte. Isso quer dizer que não aceita o que Deus deu", atacou um internauta. "Uma mulher tão linda feito essa e ainda corria atrás de cirurgia plástica por quê?", questionou outro. "Gente parem de criticar. A vida era dela, só ela sabia se não estava feliz com o corpo. Você pode morrer até caminhando na rua", defendeu a terceira. 

Veja mais comentários:

Em nota, o Hospital Unimed Primavera que não poderia divulgar informações a respeito do procedimento sem a autorização da família.

A unidade informou que preza pela segurança total dos pacientes e oferece toda a estrutura e profissionais necessários para o bom atendimento nos procedimentos e atendimentos realizados.

Veja na íntegra:

    Divulgação / Hospital Unimed Primavera

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (Sesapi), Jéssyca Alencar trabalhou na Maternidade Evangelina Rosa e tem relevantes serviços prestados na saúde do estado.

O Conselho Regional de Enfermagem do Piauí (Coren-PI) manifestou pesar pela morte precoce de Jéssyca.


Comentários