Entretenimento

Dupla estreia na Cidade Verde · 19/01/2011 - 18h37

Bastidores: Ítalo Motta e Leninha Aragão pedem demissão da MN

Apresentadores deixam Rede Meio Norte e aceitam novo projeto na concorrente: Programa de variedades


Compartilhar Tweet 1



Em comemoração aos seus 25 anos, a TV Cidade Verde prepara grade diferenciada, com novos programas e contratações que prometem reforçar o time de profissionais da emissora. Dois nomes fecharam acordo, nesta quarta-feira (19), com a direção da Casa e já iniciam na tela a partir do próximo mês: Ítalo Mota e Leninha Aragão, que deixam a Rede Meio Norte, onde comandavam programa de variedades. O 180graus entrou em contato com o apresentador Ítalo Motta, que confirmou a saída da empresa de Paulo Guimarães.

Por telefone, Ítalo Motta adiantou que o contrato foi firmado hoje pela manhã. Ele terá um programa de variedades, semelhante ao Tudo Infoco, da TV MN, voltado ao público A e B. O apresentador vai dividir a atração com Leninha Aragão, que mantém o quadro “Damas em Destaque” no novo projeto.

Sem nome definido, o programa deve ir ar aos sábados, às 11 horas, a partir da segunda semana de março, antes do programa encabeçado pelo jornalista Tony Trindade, recém-contratado da TV Cidade Verde. O diretor geral da TV Assembleia também veio incrementar a proposta da emissora através de um programa de auditório, em parceria com a apresentadora Lily Araújo, ex-vocalista da Banda Bali e que agora segue em carreira solo.

Segundo Ítalo, a proposta do programa é abordar diversos assuntos, uma espécie de revista eletrônica que vai da economia ao social. “É de variedades, vamos falar de tudo, mas com foco no Piauí. Queremos contemplar cada segmento, trazendo cobertura de grandes eventos que movimentam o Estado”, explica.

Além de atuarem juntos, Ítalo e Leninha serão aproveitados separadamente em outros projetos dentro da própria Cidade Verde. A partir de 1º de fevereiro, o ex-apresentador do Tudo Infoco vai integrar a equipe de Jornalismo da emissora por meio de matérias especiais e participação nos principais programas. Já Leninha segue para o setor comercial e vai contribuir na parte de municípios em conjunto com Dânio Sousa, que já executa ações nesse setor.

A equipe do 180graus também entrou em contato com Leninha Aragão. Ela confirma que vai estrear um quadro no programa de Ítalo Motta, mas não trata da sua participação em projetos no setor comercial da TV Cidade Verde. “Eu não posso confirmar isso porque não tem nada fechado ainda”, conta Leninha.

ÍTALO E LENINHA EXPLICAM SAÍDA DA REDE MEIO NORTE
Questionado sobre o motivo de sua saída da TV Meio Norte, Ítalo Motta responde que o novo projeto vai contribuir para sua carreira profissional. Ele nega qualquer desentendimento dentro da antiga Casa. “A TV Meio Norte deu uma contribuição muito grande, mas temos que, às vezes, procurar abrir novos horizontes, que correspondam com nossas expectativas. Não tive problemas lá (Meio Norte) com ninguém”, esclarece.

Leninha Aragão segue a argumentação do colega de trabalho e amigo. Adianta que sua saída foi por conta do desafio de encabeçar projetos. Além de apresentadora, Leninha também é sócia de uma empresa de eventos reconhecida no Estado, a R5, em parceria com o promoter e empresário Rossiney Milhomem.

BASTIDORES: INSATISFEITOS COM A GESTÃO DA EMISSORA
Informações de bastidores dão conta que a saída de Ítalo Motta e Leninha Aragão vai além da realização profissional. Ambos estariam insatisfeitos com a mudança de gestão da Rede MN, que não cumpriria compromissos firmados com seus colaboradores. A forma como vem sendo gerido o sistema causou estresse nos jornalistas, que acabaram por sair da empresa de Paulo Guimarães. Porém, o empresário não teria ligação com a saída da dupla e poderia ter oferecido até proposta para cobrir a concorrente. O 180graus apurou que Leninha pediu demissão há três meses, mas que não foi aceito de imediato. Inclusive, o Maior Portal do Piauí divulgou a notícia na época. Por tudo isso, Leninha teria enfrentado graves problemas de saúde com tanto impasse na Meio Norte.

CIDADE VERDE ABRE EXCEÇÃO AO CONTRATAR DA MN
Comenta-se que é uma política da TV Cidade Verde não receber colaboradores que deixam a Rede Meio Norte. Seria uma orientação superior, da direção da emissora de Jesus Tajra. Porém, segundo informações de bastidores, a contratação de Ítalo Motta e Leninha Aragão seria exceção.

O 180graus tentou contatar a diretora da Meio Norte, Lívia Guimarães, mas não obteve êxito.

LEIA TAMBÉM: TONY TRINDADE TERÁ PROGRAMA NA TV CIDADE VERDE

CONFIRA AINDA: JESUS FILHO DEVE LANÇAR REVISTA QUINZENAL