• EJUD encerra módulo do curso Mediação e Conciliação Judicial

    A Escola Judiciária do Piauí-EJUD encerrou o módulo teórico do curso de Capacitação de Mediadores e Conciliadores Judiciais, na modalidade presencial, nesta sexta (23/09). Foram 32 vagas preenchidas pelo público interno e externo do Tribunal de Justiça, interessados em atuar nas sessões de mediação e conciliação judiciais.

    O curso tem como objetivo geral possibilitar aos participantes conhecimentos teóricos e práticos em mediação e conciliação, visando oferecer uma formação de mediadores e conciliadores a partir de uma perspectiva integradora de habilidades, teorias e paradigmas, com ênfase nos princípios dispostos na Resolução n. 125/2010 do CNJ, conscientizando da importância da implementação da Política Nacional de Tratamento Adequado aos Conflitos de Interesses, da dinâmica dos procedimentos de conciliação e mediação e da aplicação das técnicas de solução de conflitos.

    O módulo teórico do curso seguiu sob a instrução dos professores Gislaine Maria Porto Costa, Neilan Angela Celestino Argento, Lucicleide Pereira Belo e João Gabriel Furtado Baptista, além do Desembargador Manoel de Sousa Dourado como co-docente.

    Após a conclusão do módulo teórico, os alunos darão início ao módulo prático, uma espécie de estágio supervisionado em que os discentes colocarão em prática os ensinamentos dados em sala de aula. Ao todo, o curso terá carga horária de 100 horas-aula.

    Receba notícias do 180graus no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: t.me/noticias180graus.

    PostMídia: (86) 9 9800-9535

  • Semec realiza curso de metodologias de projetos para gestores

    Por meio da socialização de experiências realizadas pelas unidades de ensino da Secretaria Municipal de Educação (Semec), foi finalizado o curso de metodologias de projetos voltado para gestores do ensino fundamental. O evento durou dois dias e foi realizado no Centro de Formação Professor Odilon Nunes (Cefor). Conhecer como são elaboradas e desenvolvidas essas ações em relação aos projetos que são desenvolvidos em cada unidade de ensino nortearam a pauta do encontro.

    O intuito é fortalecer a ação do professor e o gerenciamento desses projetos voltados para as ações que são desenvolvidas na escola, como projetos de leitura e escrita, dentre outros, onde as crianças desenvolvem o aprendizado de uma forma mais ampla e significativa.

    Aurismar Sousa, coordenadora de Alfabetização da Semec, afirma. “Temos a socialização de diversas vivências e experiências que são apresentadas nesse curso e por meio desse momento os diretores apreciam e observam tudo que pode ser oportunizado para o aprendizado das crianças”.

    “A pedagogia de projetos é para os nossos gestores e professores entenderem que o dia a dia da criança não precisa ser apenas de responder tarefas, mas tornar o espaço educativo em algo agradável, oportunizando novas práticas educativas”, disse Arlene Silva, coordenadora do Tempo de Aprender.

    Receba notícias do 180graus no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: t.me/noticias180graus.

    PostMídia: (86) 9 9800-9535

  • Instituto e USP oferecem cursos gratuitos para professores pelo WhatsApp

    O Instituto iungo - idealizado pelo Instituto MRV, a Faculdade de Educação da USP e o Núcleo de Pesquisas em Novas Arquiteturas Pedagógicas da universidade (NAP/USP) lançam a segunda edição do programa Ativar! Metodologias Ativas por WhatsApp.

    As inscrições vão até o dia 31 de agosto de 2022. São cinco cursos, cada um com carga horária de 40 horas e duração de oito semanas, totalmente on-line. Cada curso tem 200 vagas nas áreas de Humanidades, Linguagens, Ciências, Projetos de Vida e Novas Arquiteturas Pedagógicas.

    "Acreditamos muito neste formato inovador de formação, que amplia o acesso de professores de todo o Brasil a um conteúdo de qualidade e com uma dinâmica colaborativa. Isso só é possível pelo trabalho competente de formação de professores realizado pela Faculdade de Educação da USP e pelo NAP-USP", explica Paulo Andrade, diretor de educação do Instituto iungo.  "A primeira edição do ATIVAR! teve um retorno muito positivo dos cursistas, especialmente pela flexibilidade do WhatsApp e pela proposta mão na massa, com projetos realizados com orientação dos professores e tutores da USP", completa Paulo.

    Ana Maria Laureano Ribeiro, de São José dos Campos (SP), fez o curso ATIVAR! Projetos de Vida. Ela conta que se surpreendeu com o ATIVAR!, sua primeira experiência com formação via WhatsApp. "Foi diferente, dinâmico e muito bom porque realmente consegui estudar, aprender, refletir sobre a prática e colocar os aprendizados em prática. Os vídeos curtos foram objetivos e despertaram o interesse pela leitura da obra completa", explica Ana Maria.

    Além do WhatsApp, outros diferentes meios digitais são usados durante os cursos para realizar o encontro semanal ao vivo de uma hora entre os cursistas e tutores, possibilitando interações e troca de experiências com professores de todo o país.

    "Nos cursos, aliamos a teoria à prática. Os educadores vivenciam aulas baseadas em Metodologias Ativas de Aprendizagem, com trabalho colaborativo, atividades mão na massa, uso de situações-problema e interdisciplinaridade. E eles fazem isso refletindo sobre suas práticas, sua própria realidade, o que torna o processo de aprendizagem mais relevante do que analisar apenas situações fictícias", afirma Ulisses Araújo, coordenador científico do NAP/USP.

    Podem se inscrever educadores de escolas de todo o Brasil. Para os cursos de Humanidades, Ciências e Linguagens podem se candidatar professores que atuem nesses campos do conhecimento em sala de aula no Ensino Médio e Ensino Fundamental 2 (6° ao 9° anos). Já para os cursos sobre Projetos de vida e Novas arquiteturas pedagógicas são aceitas inscrições de gestores escolares e professores de todas as áreas de conhecimento de Ensino Médio e Ensino Fundamental 1 e 2.

    Ao final do curso, os concluintes recebem certificado da USP de 40 horas e passam a fazer parte de uma rede de educadores de todo o território nacional, com a qual podem trocar experiências e conhecimento para seguir se desenvolvendo.

    Para mais informações e inscrições, o público pode acessar o site repensandocurriculo.org

  • FWF abre inscrições para cursos em diferentes áreas na região Sudeste

    A Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Wall Ferraz (FWF), em parceria com a Fundação para o Desenvolvimento Sustentável do Estado do Piauí (FUNDES), abriu nesta quinta-feira (04/08) o processo de inscrição para os cursos de Gerenciamento de Equipes, Atendente de Farmácia, Qualidade em segurança e saúde do paciente, Gestão Ágil de projetos e Qualidade no Atendimento e protocolos sanitários.

    Os cursos serão realizados de forma presencial no Centro de Capacitação da FWF no bairro Dirceu (Rua 54s/n – próximo a Biblioteca Pública), Zona Sudeste de Teresina, de segunda à sexta, nos turnos manhã e tarde, concluindo a carga horária de 40h cada curso. Para realizar a inscrição, o candidato deve levar as cópias dos seguintes documentos: RG, CPF e comprovantes de residência e escolaridade. Para mais informações entrar em contato: (86) 9 9541-7711 ou (86) 9 9441- 0885.

    “Estamos preparando pessoas da melhor maneira possível, auxiliando em seus conhecimentos e as capacitando. É uma determinação do prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, que toda a população receba qualificação profissional, para que possam buscar novas oportunidades e ingressar no mercado de trabalho”, ressalta Maykon Silva, presidente da FWF.

    Todos os cursos ofertados pela FWF têm o objetivo levar qualificação profissional gratuita para toda a população de Teresina. Os alunos recebem material didático básico gratuito e acompanhamento de instrutores durante todo o curso com aulas práticas e teóricas. Ao terminarem os cursos, os alunos estarão aptos a colocarem em prática o conteúdo aprendido em sala de aula e ingressarem no mercado de trabalho

  • Teatro João Paulo II abre 99 vagas para cursos presenciais

    Visando garantir oportunidades de forma igualitária para todos os teresinenses, a Prefeitura Municipal de Teresina, por meio das ações de descentralização da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, abriu nesta semana 99 vagas para cursos presenciais no Teatro João Paulo II. Nesta etapa estão sendo oferecidas vagas para os cursos de teatro, violão, balé, dança urbana, dança contemporânea e capoeira, sendo todas as turmas no período da tarde e com início imediato.

    O diretor cultural do Teatro João Paulo II, Bibi Abdalla, conta que esses cursos ajudam de forma direta no nascimento de novos artistas na região do grande Dirceu, fazendo com que a cultura esteja sempre ativa na comunidade, que sempre foi reconhecida por ter inúmeros artistas. Ele conta ainda que as vagas são preferencialmente destinadas aos moradores da zona Sudeste, mas que pessoas de outras regiões podem entrar em uma lista de espera e ocuparem uma das vagas em casos de desistências.

    “Para se matricular, basta os interessados comparecerem ao teatro em horário comercial, munidos de RG e comprovante de endereço, devendo o matriculado efetuar o pagamento de uma taxa simbólica de R$30, que deverá ser renovada a cada seis meses, valor esse isento para pessoas de baixa renda que possuam inscrição no CaD-Único e que estejam em situação regular junto aos CRAS. As vagas seguem até os preenchimentos das turmas, obedecendo a ordem de chegada dos interessados, sendo todas as aulas ministradas por profissionais renomados e com longa experiência na capacitação de crianças, jovens e adultos”, comenta Bibi Abdalla.

    Para maiores informações sobre novos cursos, bem como a agenda de espetáculos e demais atividades culturais realizadas no Teatro João Paulo II, basta acessar o site da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, que é o cultura.pmt.pi.gov.br.

    Nas redes sociais as informações também estão disponíveis na página @cultura_the no Instagram.

  • Fundação Wall Ferraz promove curso de Grafite

    A Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Wall Ferraz (FWF) em parceria com a Associação Maria do Amparo (AACEMA) está promovendo o curso de grafite do projeto “Grafiti na busca de Conhecimento”, no turno da tarde, na sede da Biblioteca Des. Cromwell de Carvalho, localizado no Centro.

    Neste curso, os alunos aprendem técnicas de desenho utilizando diferentes materiais, como grafite, carvão vegetal e prensado, pastel seco e nanquim. Além de composição e equilíbrio, perspectiva e estudo de cores.

    O grafite (do italiano graffiti, plural de graffito) significa “marca ou inscrição feita no muro” e é o nome dado às inscrições feitas em paredes desde o Império Romano trata se de um movimento organizado nas artes plásticas, em que o artista aproveita os espaços. Nos dias 06, 07 e 08 os alunos irão realizar uma aula prática de Grafiti no parque da cidadania.

    “No curso de Grafite os alunos estão aprendendo técnicas de luz e sombra, pintura, preenchimentos. Os alunos estão gostando muito do curso e já iniciarão as aulas práticas, grafitando os muros da biblioteca usando a técnica de pombi”, disse Eduardo Alemão, instrutor do curso.

    O presidente da Fundação Wall Ferraz, Maykon Silva, ressaltou a importância deste curso. “Estamos preparando pessoas da melhor maneira possível, auxiliando em seus conhecimentos e as capacitando. É uma determinação do prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, que toda a população receba qualificação profissional, para que possam buscar novas oportunidades e ingressar no mercado de trabalho. O curso de grafiti faz parte da modalidade de arte, gerando inclusão social e possibilitando que jovens aprimorem seus conhecimentos artísticos”, disse.

    Essa parceria tem como objetivo levar qualificação profissional gratuita para toda a população de Teresina. Os alunos recebem material didático básico gratuito e acompanhamento de instrutores durante todo o curso com aulas práticas e teóricas. Ao terminarem os cursos, os alunos estarão aptos a colocar em prática o conteúdo aprendido em sala de aula e ingressarem no mercado de trabalho. Esse projeto conta com recursos de emenda parlamentar do vereador Venâncio Cardoso.

     

  • Escola do Legislativo inicia curso de extensão para advogados

    A Escola do Legislativo, em parceria com os advogados David Pacheco, Raíssa Mota e Guilherme Saboia, inicia, neste sábado (25/06), as atividades do Projeto Carreiras. Com duração de seis meses, o curso de extensão é voltado para novos advogados, que participarão de encontros mensais, aos sábados, das 14 às 18 horas, no Plenarinho da Assembleia Legislativa.

    "A Escola do Legislativo está sempre oferecendo palestras e cursos, em paralelo às nossas pós-graduações. Desta vez, o objetivo é agregar importantes ferramentas a novos advogados, para que eles possam buscar inserção no mercado de trabalho a partir da experiência de grandes escritórios", afirma a coordenadora de pós-graduação da Escola, Socorro Barreto.

    De acordo com David Pacheco, idealizador do projeto, a primeira turma conta com a participação de 35 jovens aprovados no Exame de Ordem ou inscritos nos quadros da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) há menos de cinco anos. Os alunos serão acompanhados ao longo de seis meses para a realização de atividades como criação de networking e gestão administrativo-financeira de escritórios de advocacia.

    A aula inaugural, sobre Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), será ministrada pelo advogado Campelo Filho, pós-doutor em Direito e Novas Tecnologias e membro do Conselho Nacional de Proteção de Dados Pessoais e da Privacidade (CNPD). Os módulos contarão com a participação de juristas renomados nas diversas áreas jurídicas.

    PostMídia: (86) 9 9800-9535

  • FWF está com inscrições abertas para o curso de Montagem e Manutenção de Placas Solares

    A Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Wall Ferraz (FWF), em parceria com o Instituto CultuArtes, está com inscrições abertas para o curso de Montagem e Manutenção de Placas Solares. As atividades serão realizadas de maneira presencial na sede do Instituto.

    Ao total, serão ofertadas duas turmas no turno da noite, de 18:30h às 22h, com inscrições realizadas presencialmente na sede do Instituto CultuArtes, que fica localizado na Av. Principal, Q-17, n° 22, no bairro Betinho, zona Sul de Teresina.

    “Estamos preparando pessoas da melhor maneira possível, auxiliando em seus conhecimentos e as capacitando. É uma determinação do prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, que toda a população receba qualificação profissional, para que possam buscar novas oportunidades e ingressar no mercado de trabalho”, ressalta Maykon Silva, presidente da FWF.

    Nesse curso, os alunos irão aprender sobre as mais modernas tecnologias e conhecimentos da área, como efetuar a instalação de painéis solares (placas de energia solar), aspectos teóricos e práticos do dimensionamento de sistemas fotovoltaicos, fundamentos, regulamentações e técnicas avançadas de forma especializada. Esse curso foi elaborado especialmente para as pessoas que desejam conseguir uma vaga no mercado de trabalho, aprender uma nova profissão e aprimorar os seus conhecimentos.

    Essa parceria tem como objetivo levar qualificação profissional gratuita para toda a população de Teresina. Os alunos receberão material didático básico gratuitamente e terão o acompanhamento de instrutores durante todo o curso com aulas práticas e teóricas. Ao terminarem os cursos, os alunos estarão aptos a colocarem em prática o conteúdo aprendido em sala de aula e ingressarem no mercado de trabalho. Esse projeto conta com recursos de emenda parlamentar do vereador Alan Brandão.

    Para realizar a inscrição o candidato deve levar as cópias dos seguintes documentos: RG, CPF e os comprovantes de endereço e escolaridade. Para mais informações, basta fazer contato com o número (86) 99825-3395.

    PostMídia: (86) 9 9800-9535

  • FWF abre inscrições para o curso de 'Confecção do Vestuário, Corte, Costura e Modelagem'

    A Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Wall Ferraz abriu nesta quarta-feira (08/06), o processo de inscrição para o curso presencial de “Confecção do Vestuário, Corte, Costura e Modelagem”, que será realizado no Instituto Costurando Sonhos, zona Sul de Teresina. As aulas aconteceram no turno da tarde, 14h às 17h, com início das atividades no dia 13/06, concluindo a carga horária de 200h.

    As inscrições estão sendo realizadas de forma presencial, na sede do Instituto Costurando Sonhos (Rua Elpidio Brigido de Sá, S/N), bairro Vila da Glória, zona Sul de Teresina. Para ter a inscrição concluída o candidato deve levar os seguintes documentos: RG, CPF e comprovantes de residência e escolaridade.

    No curso, os alunos irão aprender técnicas de Costura e Modelagem de roupas, manuseio da máquina de costura, medidas e conhecimento sobre tecidos, combinação de estampas, ajustes e reformas, acabamentos, confecção de acessórios e bolsas têxteis. Esse curso foi elaborado especialmente para as pessoas que desejam conseguir uma vaga no mercado de trabalho, aprender uma nova profissão e aprimorar os seus conhecimentos.

    “A Fundação Wall Ferraz tem a missão de executar estratégias de qualificação profissional para a população de Teresina. É uma determinação do prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, para fazermos isso de maneira descentralizada, ampliando cada vez mais todas as nossas atividades” destacou Maykon Silva, presidente da FWF.

    Todas as atividades da FWF têm o objetivo levar qualificação profissional gratuita para a população de Teresina. Os alunos recebem material didático básico gratuito e acompanhamento de instrutores durante todo o curso com aulas práticas e teóricas. Ao terminarem os cursos, os alunos estarão aptos a colocar em prática o conteúdo aprendido em sala de aula e ingressarem no mercado de trabalho.

    PostMídia: (86) 9 9800-9535

  • Fundação Wall Ferraz oferta 150 vagas para cursos de qualificação profissional

    A Prefeitura de Teresina, por meio da Fundação Wall Ferraz (FWF) está com inscrições abertas para cursos de qualificação profissional nos centros de capacitação dos bairros Vermelha, Poty Velho, Dirceu e Porto Alegre. Ao todo, mais de 150 vagas serão ofertadas para os cursos de “Balconista de Farmácia”, “Operador de Caixa”, “Agente de Portaria” e “Confecção do Vestuário, Corte, Costura e Modelagem”.

    As inscrições estão sendo realizadas de forma presencial nas sedes dos Centros de Capacitação da Fundação Wall Ferraz. Para realizar a inscrição, o candidato deve ser maior de 16 anos, com ensino médio completo ou cursando o último ano, e são necessários os seguintes documentos: RG, CPF e comprovante de residência. As atividades terão início no dia 13 de junho, nos turnos da manhã, tarde e noite.

    “A Fundação Wall Ferraz tem a missão de executar estratégias de qualificação profissional para a população de Teresina, fazemos isso utilizando os nossos centros de capacitação. É uma determinação do prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, para fazermos isso de maneira descentralizada, ampliando cada vez mais todas as nossas atividades. Estamos buscando cada vez mais intensificar as atividades em nossos centros de capacitação, que estão localizados em todas as zonas e também nas comunidades rurais” destacou Maykon Silva, presidente da FWF.

    Todas as atividades da FWF têm o objetivo levar qualificação profissional gratuita para a população de Teresina. Os alunos recebem material didático básico gratuito e acompanhamento de instrutores durante todo o curso com aulas práticas e teóricas. Ao terminarem os cursos, os alunos estarão aptos a colocar em prática o conteúdo aprendido em sala de aula e ingressarem no mercado de trabalho.

    Confira a carga horária e os locais dos cursos:

    Centro de Capacitação do Bairro Vermelha (Rua Treze de Maio, 1718, zona Sul de Teresina):

    •Curso de Operador de Caixa, 70h;
    •Agente de Portaria, 80h.

    Centro de Capacitação do Bairro Poty Velho (Rua Desembargador Flávio Furtado, n° 1113, zona Norte de Teresina).

    •Agente de Portaria, 80h;
    •Balconista de Farmácia, 80h.

    Centro de Capacitação do Bairro Dirceu (Rua 54 s/n Próximo a Biblioteca):
    •Balconista de Farmácia.

    – Avenida Ayrton Sena Qd. E, Casa 45, Bairro PORTO ALEGRE, zona Sul de Teresina.

    •Confecção do Vestuário, Corte, Costura e Modelagem, 200h.

    PostMídia: (86) 9 9800-9535

Carregar mais