Casos estão sendo investigados · 25/05/2020 - 09h10 | Última atualização em 25/05/2020 - 11h03

Sejus confirma morte do 5º detento da Cadeia de Altos com quadro infeccioso


Compartilhar Tweet 1



O detento da Cadeia Pública de Altos, identificado como Isac Gomes de Oliveira, morreu na madrugada desta segunda-feira (25) no Hospital Getúlio Vargas (HGV). A informação foi confirmada pela Secretaria de Justiça (Sejus). Essa é a quinta morte de presos da unidade prisional por conta de infecção, que teria sido provocada por água contaminada.

Segundo a Sejus, Isac estava internado desde o dia 20 de maio. Primeiro deu entrada no Hospital do Satélite, depois foi internado no Hospital Santa Maria e por último no Hospital Getúlio Vargas.

Neste domingo (24), o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde (Sesapi) e Secretaria de Justiça (Sejus), informou que está reforçando o atendimento aos detentos da Cadeia Pública de Altos que estão com infecção.

Na unidade, uma enfermaria foi instalada para o atendimento e acompanhamento dos internos e, aqueles que apresentam sintomas mais graves são transferidos para o Hospital da Polícia Militar (HPMPI) ou para o Hospital Getúlio Vargas (HGV). No HGV, uma nova ala, com 20 leitos, está sendo organizada para o tratamento desses casos.

Até o momento, 22 detentos estão internados e a suspeita é que a infecção seja por contaminação da água. Desde que relatada a suspeita, a Sejus realizou a limpeza da caixa d’água e tubulação da unidade, bem como irá implementar o tratamento da água. Também foi instalado um dosador de cloro no poço. Enquanto a situação é resolvida, internos e servidores consomem água mineral.

“Estamos dando atenção especial para a situação. Desde a detecção dos casos todo o tratamento necessário está sendo oferecido. Na enfermaria da Cadeia de Altos temos médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem que estão fazendo o acompanhamento, tratamento e encaminhamento dos detentos. Todos estão sendo atendidos”, disse o secretário de Justiça, Carlos Edilson.


Comentários