Solicitação foi indeferida · 28/09/2021 - 09h53 | Última atualização em 28/09/2021 - 10h38

Estudante de Medicina processa mãe de criança estuprada em Teresina e pede R$ 20 mil


Compartilhar Tweet 1



O estudante de Medicina, Marcos Vitor Aguiar Dantas Pereira, de 22 anos, abriu um processo contra Priscila Karine, mãe de uma das vítimas do suspeito, pedindo R$ 20 mil por supostos danos morais devido exposição de casos de estupros contra crianças em Teresina.

A defesa do suspeito garantiu que Marcos Vitor é uma pessoa de boa índole e sempre manteve conduta idônea.

"O autor é uma pessoa de boa índole, homem honesto e que sempre manteve uma conduta idônea em sua vida pessoal e profissional zelando constantemente pela sua reputação perante amigos, familiares e público em geral", diz trecho que documento que o 180 teve acesso. 

No documento consta que a defesa de Marcos pediu que a Justiça ordenasse que Priscila retirasse as publicações que ela fez em seu perfil no Instagram, alegando que ela está o difamando.

A solicitação da defesa do estudante foi indeferida pelo Juizado Especial Cível e Criminal de Teresina, segundo o advogado da família em entrevista ao Programa Bom Dia Meio Norte nesta terça-feira (28/09).

Suspeita de estupros

Marcos Vitor é suspeito de abusar sexualmente de primas, irmã e outras crianças na residência da família, na Zona Leste de Teresina. A denúncia foi formalizada na Polícia Civil do Piauí.

A Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente segue investigando o caso.

 

Comentários