180graus

Categoria faz reinvindicações - 06/03/2017 às 16h38

Trabalho da Guarda Municipal pode ser interrompido; falta cumprir a lei






Casa do cartucho

Representantes do Sindicato dos Guardas Municipais de Teresina (Sindcgm-THE) comunicaram ao 180 que o trabalho da Guarda Municipal pode ser interrompido por falta adequações na estrutura. As reivindicações são várias, em especial as que se referem ao salários e gratificações. 

O presidente alega que não é pago algumas das gratificações obrigatórias, como risco de vida, adicional noturno e periculosidade. Segundo ele, em outras cidades, o valor pago é bem diferente, a exemplo da cidade de Timon, no Maranhão, vizinha a capital piauiense. Ele também compara o que é pago aos servidores da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) em Teresina.

“Hoje a gente ganha cerca de R$ 1.169, o salário é baixo, se você for comparar com Timon, Recife ou outras cidades eles ganham cerca de R$ 3 mil e alguma coisa, a gente foi cobrar as gratificações que a lei diz que são obrigatórias, risco de vida, adicional noturno e periculosidade”, afirmou ele.

9.JPG

Ele relata ainda que, quando se reuniu junto ao delegado Samuel Silveira, secretario da Semtcas (Secretária Municipal do Trabalho, Cidadania e Assistência Social), órgão ao qual a Guarda será vinculada, mas não teve resposta satisfatória.

“Ele falou que não tem previsão para dar as gratificações este ano, alegou que o prefeito está cortando gastos, que estão demitindo estagiários, terceirizados, a prefeitura está sem recursos e não deu uma posição de quando a gente vai ter essas gratificações”, pontua o presidente.

Ainda falou sobre as dificuldades de estrutura, como viaturas melhor equipadas, a ausência de rádio para se comunicarem ou de motos para o patrulhamento e ainda da qualidade de materiais que disponibilizam.

01.JPG

"As viaturas não tem 'giroflex', em uma perseguição é difícil darem passagem, pois a identificação do carro é difícil, também não temos motos e nem rádios, se não tivermos créditos para nos comunicarmos fica difícil e as bicicletas já se encontram com defeitos", disse ele.

O presidente do sindicato também alerta para a população, temendo que esta possa não entender o motivo das exigências tão cedo, haja vista que os trabalhos da guarda se iniciaram há pouco tempo. Ele diz que as gratificações são impostas por lei, que estas tem que ser cumpridas e que os valores deveriam estar inclusos aos contracheques desde o início dos trabalhos. A categoria está completamente insatisfeita com o problema.

02.JPG

“Nós nem precisaríamos reivindicar, porque essas gratificações são impostas por lei, elas são obrigatórias, já deveriam estar inclusas no nosso salário desde o inicio, mas como não está, o jeito é a gente procurar secretario pra conversar. Dos 96 guardas em serviço atualmente, é unânime a insatisfação”, afirma o presidente do Sindgcm-THE.

Ele ressalta que o trabalho da guarda municipal e faz muito necessário ao bem estar dos teresinenses. A equipe da guarda possui um relatório extenso sobre fatos ocorridos na capital, onde foram apreendidos simulacros, armas brancas, várias apreensões de drogas além apreensão ambiental.

Veja também:
Atuando há quase um mês, guardas municipais cobram melhorias; veja

Guarda Municipal ganha a confiança da população apesar das limitações

Peça seu CPF na Nota e concorra a prêmios em dinheiro. Curta a página da Nota Piauiense e saiba mais!


Matemática Básica
Matemática e Raciocínio Lógico no Podium
Teresina 165 anos
Quer mudar de vida?
Assist. Administrativo UFMA
Aux. Administrativo UFMA
Casa do Cartucho
Tire sua CNH com a Autoescola Gallantys
Últimas Notícias
16h15 Alepi aprova cargo de auditor fiscal ambiental; Semar anuncia concurso 15h51 Sefaz libera R$ 805 mil em créditos de ICMS; saiba como pedir resgate 15h32 Prefeitura Envia à Câmara Projeto de Lei (PL) que Institui 'Transporte Público Municipal' 15h24 Projetos de proteção do meio ambiente no Nordeste receberão R$ 813 mil 15h16 Piauiense é campeão no Mundial de Paracanoagem na República Tcheca 15h08 Projeto garante uso do nome social na administração pública municipal 15h07 Governo lança programa para agilizar crédito a micro e pequenas empresas 14h59 Estoque de vacinas contra HPV para 15 a 26 anos já se esgotou, diz FMS 14h53 Comissão aprova projeto de Elmano para beneficiar parques nacionais 14h52 Lei obriga restaurantes do Piauí a disporem informações nutricionais sobre alimentos 14h47 Justiça condena Felipe Santolia, ex-prefeito de Esperantina em ação penal 14h44 Primeira Turma de Pelotão Mirim de Colônia do Gurguéia-PI, construindo cidadania. 14h17 XLI Encontro Nacional de Folguedos começa nesta quinta-feira (24) 14h17 Novo Android vai mudar a sua forma de assistir a vídeos pelo celular 14h00 Hemopi realiza transfusão de sangue raro em criança de cinco anos 13h35 Governo do estado autoriza estudo para melhorias no Aeroporto de Corrente 12h55 Jornalista não usa direito de calar e depõe por mais de uma hora à Vilma 12h48 Candidatos ao Encceja podem pedir uso do nome social até sexta (25) 12h38 'Fiquei chateada, mas isso não me fere', afirma Monalysa no 'Encontro' 12h34 Governo estuda liberar saque do saldo do PIS e do Pasep para idosos; confira 12h20 Fundação de Saúde entrega cartão para beneficiários do Bolsa Família 12h20 Robert Rios é contra Lula, quer impedir vinda ao Piauí, e nada faz com a Caravana de João Henrique 12h07 Advogado Valdetário Monteiro vai substituir Norberto Campelo no CNJ 12h01 Comitê vai apurar denúncias de tortura a menores no CEM 11h39 Instituições apuram casos de tortura no 'Centro Educacional Masculino'

Assist Administrativo UFMA
Tire sua CNH com a Autoescola Gallantys
Aux. Administrativo UFMA
Matemática Básica

Mais Lidas


    Enquete

    Você acredita que Michel Temer vai...

    Total de Votos: 290

    Válida de 2017-05-29 15:46:00.0 a 2017-06-05

    Ajude!
    Podium - Professor Atualidades
    Assist. Administrativo UFMA

    180graus no Instagramno Instagram

    Aux. Administrativo UFMA