180graus

Está rendendo em Goiânia - 09/10/2013 às 18h41

Vídeos circulam no WhatsApp, viram meme e polícia investiga 'Caso Fran'

Imagens se espalharam de uma maneira assustadora; acusado é um rapaz de 22 anos

CELTA CONSTRUTORA
Casa do Cartucho
LB Fitness
Kangaço
Jovem tem 19 anos e imagens picantes se espalharam

Jovem tem 19 anos e imagens picantes se espalharam

Já chamado de 'Caso Fran', a Polícia Civil de Goiás investiga um jovem de 22 anos, suspeito de propagar vários vídeos com conteúdo sexual por meio do aplicativo de mensagens de celular WhatsApp onde é possível ver uma jovem em atos sexuais.

O caso ganhou repercussão nacional e virou meme [termo usado para frases, imagens e vídeos que se disseminam na internet de forma viral] nas redes sociais. No Instagram, no Facebook e no Twitter, além do próprio WhatsApp, várias pessoas fazem um gesto, semelhante a um 'Ok' com as mãos (usando três dedos), para 'homenageá-la'.

De acordo com a delegada Ana Elisa Gomes Martins, da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam), a jovem de 19 anos que aparece nas imagens registrou um boletim de ocorrência na sexta-feira passada, dia 4, mas só agora o assunto se espalhou de uma maneira assustadora. Isso tudo apenas pelas redes sociais.

As gravações se propagaram rapidamente pelo aplicativo de celular WhatsApp. Em um dos vídeos, a jovem aparece fazendo um sinal de 'OK'. O símbolo virou piada nas redes, com montagens de políticos e até o Barack Obama, presidente dos EUA, teria entrado na onda. Fotos de celebridades fazendo o sinal de OK também começaram a ser usadas pelos internautas.

No entanto, as imagens teriam sido tiradas antes da polêmica do vídeo e não se referem ao caso. É que o gesto é bastante comum, sinaliza 'Tudo Ok', algo parecido. Esta semana, a polícia começou a investigar o caso. A delegada apurou que os vídeos foram feitos neste ano, quando o rapaz, que é casado, mantinha um relacionamento extraconjugal com a garota. Ambos residem em Goiânia.

Muita gente viu o gesto e começou a imitar para 'homenagear' a vítima: virou meme!Muita gente viu o gesto e começou a imitar para 'homenagear' a vítima: virou meme!

ELA SABIA; ELE ERA CASADO
Em depoimento, a vítima afirmou que sempre soube que estava na condição de amante e que consentiu em fazer os vídeos depois que o companheiro garantiu que eles seriam guardados em uma pasta oculta no celular, que só poderia ser acessada com senha. “Não tem como não dizer que ela não sabia. Ela permitiu e eles gostavam disso. Ela tinha um sentimento por ele. Em um relacionamento onde as pessoas são adultas ela tem condições de decidir o que vai fazer ou não”, afirma Martins.

De acordo com a delegada, o relacionamento durou pelo menos três anos. Neste período, a jovem chegou a engravidar. Foi cogitada a hipótese de que a criança seria do rapaz, mas segundo a vítima informou à polícia, ele não é o pai. Ele negou que seja o autor dos vídeos e da divulgação. A delegada afirma que ele será intimado a comparecer à delegacia para prestar depoimento, mas ainda não foi estabelecida uma data. Para Ana Elisa Martins, os vídeos vazaram depois que foram apresentados a amigos do autor das imagens. “Ele passou para amigos e conhecidos via WhatsApp [aplicativo para envio de mensagens via celular] e aí alastrou como um vírus”, acredita.

Virou piada: espalharam que atéo Google e Barack Obama aderiram ao meme irônicoVirou piada: espalharam que atéo Google e Barack Obama aderiram ao meme irônico

CRIME DE DIFAMAÇÃO NA MARIA DA PENHA
De acordo com a delegada, o crime é caracterizado como difamação com base na Lei Maria da Penha porque existiu uma relação de afeto entre vítima e autor. Se for condenado, o suspeito pode pegar pena de 3 meses a 1 ano. Ana Elisa Martins explica que o caso não se aplica à Lei 12.737/12, conhecida como ‘Lei Carolina Dieckmann’, em referência à atriz que teve fotos nuas divulgadas na web. “Não cabe porque esta lei é para casos em que o material foi roubado. No caso, os vídeos eram dele, nada foi subtraído dele”.

Os boatos a respeito dos autores das filmagens diziam até mesmo que a jovem teria suicidado, o que foi desmentido pela delegada. Além disso, Ana Elisa Martins confirma que a vítima não foi demitida do local onde trabalha, uma loja de roupas femininas, mas se afastou temporariamente. “Ela está muito abatida, em estado depressivo. No início da divulgação fizeram um print da página dela no Facebook em que ela aparece com a filha e está muito triste porque a criança também foi exposta”. Abaixo, algumas das imagens tiradas dos vídeos que têm se espalhado:

fran_dedos2.jpg

fran_dedos3.jpg

fran_dedos4.jpg

Fonte: Com informações do G1

Publicado Por: Allisson Paixão

Últimas Notícias
19h06 Missa de 7º dia 18h58 Para muitos casais brasileiros, a casa é uma fonte de conflitos 18h56 Estudo aponta MP como um dos principais agentes no combate à evasão escolar 18h55 Lázaro Ramos revela que iniciou sua vida sexual aos 17 anos 18h54 Ministério da Saúde disponibiliza 2ª dose da vacina contra HPV 18h50 Pronta para nova ricaça na TV, Adriana Birolli admite: 'Já fui pra balada de ônibus' 18h49 Município de Prata do Piauí é homenageado em Teresina 18h33 Avião de pequeno porte cai em casa e mata 2 em Curitiba 18h10 Incêndio ao lado de clínica assustou moradores na cidade de Picos. Foto 18h06 Vaquejada anima o final de semana em Alegrete 17h58 Município de São José do Divino é homenageado em solenidade em Teresina 17h56 Projeto Raiz Ambiental: alunos do SESI aprendem lições de segurança doméstica em Teresina 17h55 Consultora Beatriz Machnick ministra palestra e lança livro na OAB-PI 17h55 CFOAB divulga resultado da 1ª Fase do XIV Exame de Ordem; confira resultado 17h47 PI: Tribunal de Contas analisa apelo de prefeitos para retirar programas da LRF 17h33 Paparazzo: Gêmeas do Cauã voltam em novas fotos, ainda mais quentes 17h31 Petista relata destruição de suas bases eleitorais; ordem estaria vindo de cima 17h25 Detento é assassinado na Casa de Custódia; presos assumiram autoria 17h24 2 aninhos da Hadassa Estela 17h20 Policial do RONE denunciado de forma ilegal ganha indenização de R$ 20 mil 17h15 JANAINNA MARQUES pode ficar inelegível antes da eleição 17h07 PI: Transporte irregular de crianças gerou 221 multas em 2014, diz PRF 17h04 Celebrações marcam o Dia do Evangélico em Alegrete 16h59 Botijão de gás de cozinha estará mais caro na segunda em todo estado do PI 16h47 Jornalista receberá título de Cidadão Montealtense
ControlX
Mesário Voluntário

Enquete

A morte de um taxista gerou um clima de revolta em Teresina. Um dos suspeitos já presos tinha várias passagens pela polícia, mas estava solto. Com um número cada vez maior de criminosos à solta, de quem você acredita que seja a culpa?

Total de Votos: 412

Válida de 29/08/2014 a 05/09/2014

Mais lidas

    180graus no Instagramno Instagram