180graus

Orquestra de Violões - 23/07/2014 às 08h06

Laboratório de Performance Artística da UFPI realiza 'Brunch Musica' em THE

Galaxy
CASA DE PRAIA

Em homenagem ao término das atividades do período 2014.1, o Departamento de Música e Artes Visuais (DMA) e o Programa de Extensão "Laboratório de Performance Artística" (PELPA) convidam a comunidade para o Brunch Musical, a ser realizado na sexta-feira (25), às 10h30, no Auditório do DMA.

O Brunch Musical conta com apresentações do Laboratório de Orquestra/Coral Acadêmico da UFPI, Orquestra de Violões Evaldo Passos e Alunos de Violoncelo e Prática de Repertório do Curso de Música; todos os projetos e ações desenvolvidos em disciplinas práticas ministrados pela Maestrina Alba Christina Bomfim.

"Contamos com a participação da comunidade acadêmica da UFPI e de Teresina para saborear um Banquete Artístico produzido e oferecido dentro de nossa estimada Instituição", convida a maestrina Alba Bomfim.

Brunch_musical.jpg

Fonte: com informações da ASCOM

Publicado Por: Ricardo Caetano

Theatro 4 de Setembro - 22/07/2014 às 10h40

Atriz global Eva Wilma completa 60 anos de carreira com peça em THE

CASA DE PRAIA
Galaxy

Teresina vai receber nos dia 25, 26 e 27 de julho, às 20 horas, no palco do Theatro 4 de Setembro, um dos maiores ícones da teledramaturgia brasileira e do teatro nacional, Eva Wilma, a nossa querida Vivinha, que brindará a cidade com o Espetáculo “Azul Resplendor – A Comédia do Theatro”.

Com uma mega produção para comemorar os 60 anos de carreira e 80 anos, bem vividos, de Vivinha, “Azul Resplendor”, de Eduardo Adrianzén, tem uma realização de Renato Borghi Produções Artísticas e marca a energia, talento e força continuada, em prestação de serviço aos palcos e cena viva, de uma das damas da dramaturgia brasileira.

A montagem reúne no elenco Eva Wilma, Renato Borghi, Guilherme Weber, Luciana Borghi, Débora Veneziani e Felipe Guerra. A Direção é de Renato Borghi e Elcio Nogueira Seixas.

A Peça
Comédia que promove, através de uma rara combinação entre humor ácido e delicadeza, o encontro marcado que cada um tem consigo mesmo.

Blanca Estela (Eva Wilma) é uma grande dama do teatro afastada de seu ofício há mais de 30 anos. Inesperadamente, ela recebe a visita de seu mais devotado fã – Tito Tápia (Renato Borghi), um ator sem nenhuma expressão que passou a maior parte de sua vida cuidando da mãe doente e fazendo “pontas” no teatro e na televisão.

De posse da herança e com uma peça de sua autoria escrita em memória da mãe falecida, Tito decide procurar Blanca Estela para confessar seu antigo amor e lhe fazer uma proposta para que ela retorne aos palcos como protagonista de sua obra.

Apesar de ter sido um dos maiores nomes do teatro, Blanca Estela alimenta um amargo desprezo pelo mundo do teatro, o que motivou sua aposentadoria precoce. Mas, por razões que só ficarão claras ao final da peça, a grande diva decide aceitar a proposta de Tito, desde que a peça seja dirigida por um nome de peso.

Tito decide chamar o maior diretor teatral da atualidade: Antônio Balaguer (Guilherme Weber). Considerado um gênio e cercado por uma equipe que o idolatra, o badalado encenador promete surpreender o público montando “o espetáculo da década”.

207639_360465_foto_2.jpg

Os antecedentes à montagem brasileira
Renato Borghi e Elcio Nogueira Seixas conheceram Eduardo Adrianzén, autor de destaque da dramaturgia contemporânea do Peru, enquanto realizavam o Projeto Embaixada do Teatro Brasileiro (2008/2009) em países Ibero-americanos para promover o teatro brasileiro e incentivar o intercâmbio entre as dramaturgias produzidas em espanhol e português. O texto original de Azul Resplendor, apresentado por Adrianzén aos diretores brasileiros Borghi e Nogueira, causou o mesmo arrebatamento na atriz Eva Wilma. Estava decidido que seria montado no Brasil.

A estreia aconteceu em 18 de julho de 2013, no Teatro Renaissance, marca os 60 anos de carreira e 80 de vida da atriz Eva Wilma e reuniu, num mesmo palco, várias gerações de atores: Renato Borghi, Guilherme Weber, Luciana Borghi, Débora Veneziani e Felipe Guerra.

A montagem conta ainda com Renato Borghi e Elcio Nogueira Seixas, dividindo a direção, pela primeira vez, nos mais de 20 anos de parceria no teatro. A homenagem mais perfeita, para uma atriz da envergadura de Eva Wilma, se dá na montagem de uma peça que celebra com inteligência e muito prazer o próprio fazer teatral.

azul_resplendor_03_joao_caldas.jpg

O perfil da Peça
Azul Resplendor, escrita por Adrianzén em 2005, é um retrato do ofício do ator. Mas um retrato sem retoques. Apesar de situada na atualidade, a peça revela os bastidores de todos os teatros em todos os tempos. O texto expõe com clareza e ironia os jogos de poder, os afetos, as ambições, as inspirações, as vaidades, as ilusões, as carências, as invenções, as manias e as frustrações dos atores quando se juntam para ensaiar uma peça.

Para desvelar os bastidores dos palcos, o dramaturgo se valeu de uma galeria de personagens bem conhecidos no mundo do Teatro: a célebre atriz dramática aposentada precocemente, o eterno coadjuvante recalcado, o diretor arrogante e prepotente, a assistente de direção sem identidade e jovens atores em busca de fama e poder a qualquer preço.

“Adrianzén transmite com graça e extrema agudeza os conflitos que se desenrolam no competitivo universo dos atores. Em uma época de culto às celebridades, Azul Resplendor trata de maneira crítica e bem humorada o ávido interesse que o público tem dedicado à vida privada dos artistas”, diz Borghi.

A peça também irá revelar ao público e aos artistas brasileiros mais um exemplo da excelente dramaturgia produzida por nossos vizinhos latino-americanos. O espetáculo foi um grande sucesso no Peru e seu autor, Eduardo Adrianzén, é um dos dramaturgos contemporâneos de maior destaque no mundo hispânico. Além de teatro, é também autor de telenovelas, o que lhe oferece um panorama completo da vida dos atores profissionais.

A encenação é totalmente focada no trabalho dos atores e sua interação com a luz. O texto de Eduardo Adrianzén sugere que a cena nua é sustentada apenas pela iluminação e objetos essenciais à ação.

azul-resplendor-teatro-boadiversao_15271.jpg

A Atriz homenageada e protagonista da Peça
Eva Wilma é nome que encantou gerações de telespectadores desde que a tevê ganhou marca de maior exportadora de novelas nacionais. A carreira artística é iniciada aos 14 anos, como bailarina de clássico, e avançar para teatro e cinema não demorou muito.

Com a teledramaturgia, teatro e cinema, Eva Wilma evoluiu em afinação de profissão e, na telinha mágica, iniciou carreira em 1953. Nos anos 50 e 60 formou parceria de principal casal da televisão com John Herbert, seu primeiro marido, com quem teve dois filhos, Vivien Riefle Buckup e John Herbert Riefle Buckup.

O seriado “Alô Doçura”, de Cassiano Gabus Mendes, ficou no ar por dez anos, com Vivinha e John Herbert, e conseguiu entrar para o Guiness Book como o mais longo seriado do país. Eva Wilma também ganhou o Troféu Imprensa 1964, como Destaque do ano.

Na década de 1970, a televisão brasileira ganhou um dos pares românticos mais festejados em novelas de grande sucesso, o parceiro de Vivinha era Carlos Zara. A atriz brindou o público com personagens marcantes, em novelas como “Meu Pé de Laranja Lima” e “Nossa Filha Gabriela”, de Ivani Ribeiro. Depois vieram também da mesma autora “Mulheres de Areia”, “A Barba Azul” e “A Viagem”, exibidas na extinta TV Tupi de São Paulo.

Com a extinção da TV Tupi, em 1980, Eva Wilma migrou naturalmente à Rede Globo e mais de quinze novelas ganharam seu desempenho em papéis cômicos e dramáticos. Foi bem humorada em “Plumas e Paetês” e “Elas por Elas”, “Transas e Caretas”, “De Quina pra Lua”, “Sassaricando”, entre outras. E personagens dramáticas marcaram em “Ciranda de Pedra” e “Pátria Minha”. Em “A Indomada” foi a vilã cômica Maria Altiva. Nas séries, viveu grandes mulheres em “Mulher”, “Os Maias”, “O Quinto dos Infernos”, “Um Só Coração”, “JK”, “Norma” e “Na Forma da Lei”.

Dividiu profissão e vida, em segundo casamento, com Carlos Zara, companheiro, marido e amor das horas e das cenas, até que a morte os separou.

Dos teledramas, ainda na imagem em preto e branco, da década de 1970, ao salto das tecnologias, Vivinha também cumpriu fibra do jequitibá e ganhou as telinhas e telonas com o tempo da novela em cores e do cinema telescope, respectivamente.

azul1-900x1024.jpg

Eva Wilma Riefle nasceu em São Paulo a 14 de dezembro de 1933, é descendente de alemães, ucranianos judeus e argentinos. Seu pai, Otto Riefle Jr., metalúrgico alemão da região da Floresta Negra, em Pforzheim, perto de Stuttgart, no sul da Alemanha. Sua mãe, Luísa Carp, era natural de Buenos Aires, filha de judeus ucranianos, da cidade de Kiev, que migraram para a Argentina.

Fonte: com informações da ASCOM

Publicado Por: Ricardo Caetano

Show de humor - 22/07/2014 às 08h46

Dirceu Andrade lança seu DVD 'Istandápi Genérico' no Theatro 4 de Setembro

Galaxy
CASA DE PRAIA

Nos dias 02 e 03 de agosto o humorista Dirceu Andrade realiza o show de lançamento do seu DVD "Istandápi Genérico". Um espetáculo Istandápi reunindo a coletânea de seus melhores shows e que promete fazer o público dar muitas risadas!

Será no Theatro 04 de setembro, a partir das 20:00h.

Mais informações: 86 99223276 / 81195656.

10532827_824669177566907_4347264352362957177_o.jpg

Fonte: com informações da ASCOM

Publicado Por: Ricardo Caetano

De 21 a 25 de julho - 21/07/2014 às 10h01

UFPI recebe nesta segunda-feira(21) 'Simpósio Internacional de Arte Rupestre'

CASA DE PRAIA
Galaxy

Começa hoje(21) o X Simpósio Internacional de Arte Rupestre (SIAR) e V Reunião da Associação Brasileira de Arte Rupestre (ABAR), realizado na Universidade Federal do Piauí de 21 a 25 de julho.

Com o tema "Arte Rupestre: pesquisa e inclusão social", o evento terá a participação de dez pesquisadores de destaque nacional e internacional.

A programação conta com conferências, abordando temas relativos à universalidade e conservação da arte rupestre e exemplos de pesquisas em arte rupestre, com inclusão social.

Os trabalhos de pesquisadores, professores e pós-graduandos serão apresentados sob a forma de comunicação oral, pôster ou em vídeo em dez sessões temáticas diferentes, como arqueometria, conservação, turismo, inclusão social, documentação, análise e novas descobertas empreendidas nos diversos continentes.

Segundo a professora do Curso de Arqueologia e diretora do Centro de Ciências da Natureza (CCN), Dr.ª Maria Conceição Lage, o objetivo do evento é promover a junção dessas abordagens e com isso contribuir para o crescimento do diálogo entre academia e sociedade.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO

vbvcf.jpg

unnamed.jpg

Publicado Por: Ricardo Caetano

Liquidar tudo - 21/07/2014 às 09h24

Universitários de jornalismo realizam 'Mega Bazar' na UFPI

Galaxy
CASA DE PRAIA

Nessa terça(22) e quarta-feira(23) tem 'Liquida UFPI', o maior Bazar do ano, organizado pelos alunos de Comunicação Social da Universidade Federal do Piauí.

Serão roupas masculinas, moda feminina, calçados, bijuterias e até livros com preços a partir de R$ 1,00 (um real).

O Bazar acontece em frente ao auditório do CCE da UFPI, a partir das 9h da manhã. Não perca essa!

10471033_685496794870338_8631759842957003699_n.jpg

Publicado Por: Ricardo Caetano

Carregando, por favor aguarde...
Últimas Notícias
08h42 D.Dilina completou 82 anos entre amigos e parentes,nesta 3ª feira 22/07,veja 08h37 Assaltantes invadem agência bancária em Itinga e levam cofre 08h33 Registros de candidaturas e prestações de contas serão julgados monocraticamente pelo TRE 08h31 Tchau Neymar! Seleção agora é com Lorran, Boschilia... Veja os nomes! 08h29 Themístocles escapa de condenação no TCE e tem a candidatura deferida 08h24 Teresina é a primeira capital do norte e nordeste, em geração de emprego 08h22 Brenno Andrade participa dos festejos do município de Milton Brandão 08h16 Viviane Araújo malha de barriga de fora e deseja um 'bom dia' aos fãs 08h15 Sabrina Sato tentou vender tríplex por R$ 5 milhões, mas já desistiu; fotos 08h15 Parfor/Uespi realizará oficina sobre violência na sala de aula, em agosto 08h15 CBF alterar horário de jogo do Sampaio na Série B do Brasileiro 08h11 Malévola ultrapassa marca de US$ 700 milhões no mundo 08h08 Antônio Félix confirma dobradinha com Heráclito Fortes nestas eleições 08h07 Sesapi celebra nova contratualização de Unidades Hospitalares do SUS 08h06 Laboratório de Performance Artística da UFPI realiza 'Brunch Musica' em THE 08h05 Sampaio Corrêa anuncia Lisca, ex-técnico do Náutico 08h04 Eleições: mais de 250 candidatos no país, não tem o ensino fundamental 08h03 SEMIC visita comunidade em Oeiras para orientar criadores sobre comercialização 08h02 Jovem usuário de drogas, destrói tudo em casa e tenta agredir a mãe 07h55 Maranhão derrota Bahia e garante classificação no Brasileiro de Voleibol 07h45 Ladrão ataca e leva a motocicleta de gerente de posto de combustível no PI 07h45 Prefeitura contabiliza mais de 1.400 vagas em cursos para docentes 07h45 Massagista, ex-Comercial do PI está desempregado e procurando clube 07h43 Gata de Cristiano Ronaldo exibe corpão posando de biquíni na praia 07h40 'Piauí não vive uma crise financeira e adota medidas para cumprir a LRF'
Curso in company
ControlX
ControlX

Enquete

Você acha que o Dunga vai fazer realmente um bom trabalho de volta ao cargo de técnico da Seleção Brasileira ou sai antes mesmo da Copa 2018?

Total de Votos: 44

Válida de 22/07/2014 a 29/07/2014

Mais lidas

    IRRITEC
    TELHAS MAFRENSE
    CONSTRUTORA HIDROS

    180graus no Instagramno Instagram