Teens

Fique por dentro! · 18/02/2020 - 11h30

‘Venom 2’: Cletus Kasady confronta a polícia em vídeo dos bastidores; Assista!

Na cena, alguns policiais confrontam Kasady enquanto ele começa a movimentar suas mãos e é baleado diversas vezes


Compartilhar Tweet 1



Depois que Tom Hardy divulgou a primeira imagem de Woody Harrelson como Cletus Kasady (Carnificina) em ‘Venom 2‘, uma fan page compartilhou um vídeo dos bastidores da produção. As informações são do CinePop.

Na cena, alguns policiais confrontam Kasady enquanto ele começa a movimentar suas mãos e é baleado diversas vezes.

Pelo visto, Kasady tenta usar os tentáculos de simbionte, que serão introduzidos digitalmente na pós-produção.

Confira:

“AQUI VEMOS WOODY HARRELSON GRAVANDO COMO CLETUS KASADY! PARECE QUE ELE FOI DETIDO PELA POLÍCIA E LEVOU ALGUNS TIROS. ME PERGUNTO SE ESSE MOVIMENTO DAS MÃOS VAI ENVOLVER OS TENTÁCULOS DE SIMBIONTE NA PÓS-PRODUÇÃO.

Apesar das críticas negativas, ‘Venom‘ teve um ótimo retorno nas bilheterias, arrecadando mais de US$ 845,5 milhões pelo mundo, o que garantiu a sequência.

Previsto para 2021, ‘Venom 2’ trará de volta Hardy e Michelle Williams como Brock/Venom e Anne Weying, respectivamente. Woody Harrelson irá retornar como Carnificina, enquanto Naomie Harris está em negociações para viver a vilã Shriek.

Introduzida em 1993 nos quadrinhos, Shriek é a amante de Carnificina e é descrita como uma supervilã insana com habilidades psíquicas e poderes de manipulação de sons que a transformam na nêmese de qualquer simbionte. Ela apareceu primeiro como uma das pacientes no Instituto Mental de Ravencroft, sendo libertada por Carnificina durante a própria fuga.

Andy Serkis irá dirigir a sequência.

Introduzida em 1993 nos quadrinhos, Shriek é a amante de Carnificina e é descrita como uma supervilã insana com habilidades psíquicas e poderes de manipulação de sons que a transformam na nêmese de qualquer simbionte. Ela apareceu primeiro como uma das pacientes no Instituto Mental de Ravencroft, sendo libertada por Carnificina durante a própria fuga.


Comentários