Teens

A longo prazo · 07/01/2019 - 10h54

Nintendo pode se afastar do mercado de consoles no futuro, diz presidente

"Flexibilidade é tão importante quanto engenhosidade", afirma Shuntaro Furukawa


Compartilhar Tweet 1



O presidente da Nintendo, Shuntaro Furukawa, afirmou que a companhia japonesa pode, a longo prazo, se afastar do mercado que a tornou uma gigante global: o de fabricação de consoles. As informações são da Theenemy.

Em uma entrevista ao jornal japonês Nikkei (via NintendoEverything), Furukawa levantou a possibilidade ao ser questionado sobre os dilemas de inovação que a Nintendo já teve em sua história. 

"Não estamos fixados em nossos consoles. No momento, oferecemos o Nintendo Switch e seu software, que é desenvolvido de forma ímpar. É nele que nos baseamos em como entregar a 'experiência Nintendo'. Dito isto, a tecnologia muda. Precisamos continuar a pensar de forma flexível sobre como entregar essa mesma experiência com o passar do tempo", disse o executivo.

Na entrevista, Furukawa lembra do legado da Nintendo na fabricação de consoles, que data do início dos anos 1980, mas também ressalta que a empresa, já centenária, existia muito antes de seus produtos mais famosos. "Por todos estes percalços, a única coisa que eles (os funcionários da Nintendo) pensaram foi no que fazer a seguir. No longo prazo, nosso foco como negócio pode talvez se afastar dos consoles. Flexibilidade é tão importante quanto engenhosidade".

No curto prazo, Furukawa elenca medidas que a Nintendo já está tomando, como a de lançar jogos em smartphones, abrir atrações em parques de diversões e se aventurar mais uma vez no mercado de cinema.

Enquanto isso, o Nintendo Switch continua de vento em popa, com mais de 22 milhões de unidades vendidas.


Comentários