Teens

Alta nos jogos · 07/04/2021 - 17h40

75,8% dos gamers brasileiros passaram a jogar mais na pandemia

Segundo levantamento, mais pessoas da classe média estão consumindo videogames, representando 49,7% dos jogadores


Compartilhar Tweet 1



A 8ª edição da Pesquisa Game Brasil (PGB) revelou um aumento do consumo de videogames no Brasil durante o período de isolamento social provocado pela pandemia de COVID-19. Dessa forma, 75,8% dos gamers brasileiros estão consumindo mais deste tipo de conteúdo há um ano. As informações são do SBT Games.

"No ano passado, fizemos a pesquisa de campo pouco antes do isolamento social, em fevereiro de 2020. Com a leitura atual, temos o real impacto ano versus ano que a pandemia gerou na forma de consumo de jogos digitais e hábitos durante este período", destaca Guilherme Camargo, sócio-CEO do Sioux Group e professor na pós-graduação da ESPM.

O levantamento considera tanto jogos gratuitos quanto pagos, sendo que 42,2% das pessoas afirma ter investido mais dinheiro em jogos durante o período de isolamento. E muitos dos jogadores não estão investindo mais tempo nos games sozinhos. Isto porquê 51,5% dos gamers estão jogando mais partidas online com seus amigos.

É interessante notar também que o consumo não se dá apenas no âmbito de jogadores ativos. O consumo de conteúdos relacionados a jogos também cresceu neste período, sendo buscado por 60,9% do público gamer brasileiro. E as mulheres seguem sendo maioria do público de jogos eletrônicos no Brasil, representando 51,5% das pessoas que jogam e dominando o consumo de games de smartphones.

Além disso, durante a pandemia, houve uma ascensão no consumo de jogos das classes C1, C2, D e E, que unidas representam 49,7% dos jogadores brasileiros. Um número bem representativo, principalmente ao destacarmos como os smartphones estão democratizando o acesso a jogos, por serem mais baratos e acessíveis que computadores com configurações que aguentem a jogatina e consoles. Por conta disso, 41,6% dos brasileiros opta pela utilização de smartphones para jogar.

Comentários