Parceria com a Funasa · 27/01/2016 - 21h41

Prefeituras do Piauí podem perder recurso por não aderir convênio de saneamento básico

Prefeituras do Piauí podem perder recurso por não aderir convênio de saneamento básico


Compartilhar Tweet 1



Os prefeitos piauienses têm até o dia 29 de janeiro para procurar a Funasa ou a Secretaria de Cidades do Piauí e aderirem ao convênio para elaboração dos planos municipais de saneamento básico. A medida é o primeiro passo para garantia de recursos nesta área até o ano de 2033, conforme previsto no Plano Nacional de Saneamento assinado pelo Governo Federal.

No começo desta semana, apenas 60 municípios tinham feito adesão ao convênio, que vai contemplar 100 cidades do Piauí com população de até 50 mil habitantes. Orçado em R$ 16,2 milhões, o convênio vai preparar os municípios para receberem obras de abastecimento de água, esgotamento sanitário, limpeza urbana, drenagem e manejo de resíduos sólidos e das águas pluviais.

Clique aqui e leia matéria completa

(Redação Teresina)