A fim de evitar complicações · 16/10/2020 - 11h14 | Última atualização em 16/10/2020 - 11h50

Cirurgias plásticas no B-R-O-BRÓ exigem cuidados redobrados


Compartilhar Tweet 1



Durante o B-R-O-BRÓ, as temperaturas no Piauí podem ultrapassar a média de 40°C, com sensação térmica ainda maior. Para quem realizará procedimentos cirúrgicos nessa época do ano, os cuidados devem ser redobrados para evitar riscos no pós-operatório.

Por isso, alguns cuidados são essenciais, como por exemplo evitar exposição ao sol. É recomendável que o paciente não se exponha em nenhuma circunstância a altas temperaturas para evitar o aparecimento de edemas.

“Pelo menos nos primeiros 30 dias os pacientes não devem se expor diretamente para que não comprometa o processo de cicatrização. O ideal é que ele se proteja durante os 90 dias após a cirurgia, com protetor solar e roupas que evitem a exposição ao sol”, orientou o cirurgião plástico William Machado.

O uso de cintas também é recomendável, principalmente em alguns tipos de cirurgias como a mamoplastia, abdominoplastia, lipoaspiração e lifting facial. “Mesmo podendo ser um pouco desconfortável nos dias mais quentes, é importante não deixar de usá-las. Elas ajudam na recuperação dos tecidos, contribuem para uma boa cicatrização e protegem a pele da região operada. Além disso, promovem significativa melhora nos sistemas circulatórios sanguíneos e linfáticos, importante para o restabelecimento dos tecidos traumatizados”, afirmou o especialista.

No caso de cirurgias maiores, como a lipoaspiração, é recomendável ingerir muito líquido. Segundo William Machado esse procedimento é essencial para todas as pessoas, mas para quem realiza uma cirurgia plástica, deve ser reforçado. “A ingestão de água pode evitar desidratação causada pelas temperaturas elevadas. É recomendável mais de três litros de água por dia nos primeiros dias para evitar a hipotensão, que pode ser potencializada pelo calor excessivo”, disse.

Vale ressaltar que existe uma recomendação específica para cada tipo de cirurgia, levando em consideração também as necessidades de cada paciente, que deve seguir à risca as orientações do cirurgião plástico para garantir uma recuperação saudável e um resultado satisfatório.


Fonte: Com informações da assessoria

Comentários