Muher tem 51 anos · 03/04/2020 - 10h15

Servidora conhece jovem na internet, leva para morar com ela e passa a ser agredida


Compartilhar Tweet 1



Uma servidora da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, de 51 anos, viveu momentos de terror durante um mês, após conhecer um jovem de 25 anos na internet, trazê-lo de Cacoal (RO) para morar com ela em Cuiabá e passar a ser vítima de violência doméstica. A reportagem é do O Livre. 

Conforme o boletim de ocorrência, a vítima conheceu o suspeito em um site de relacionamento há aproximadamente um mês e ele se mudou para a casa dela, no Centro Político Administrativo, em Cuiabá.

Nesse curto período de relacionamento, porém, ele passou a agredi-la fisicamente várias vezes.

Nesse terça-feira (31), porém, as agressões se agravaram. Ele a agrediu com socos, tapas, enforcou-a e tentou colocar panos na boca dela para impedi-la de gritar por socorro.

Agressão e fuga

Ele ainda danificou vários objetos e móveis da casa, inclusive o interfone. Após as agressões ele fugiu. Ela aproveitou que ficou sozinha e pediu ajuda para o síndico, que chamou a polícia.

Uma equipe foi enviada ao local e a mulher contou sofrer de depressão e que faz uso de medicamentos controlados.

Ela disse que não sabia informar muitos dados sobre o suspeito, por conhecê-lo há pouco tempo, e nem sabia algum lugar que ele poderia estar.

Ela foi encaminhada para a Central de Flagrantes de Cuiabá, onde o caso foi registrado como dano e injúria real. Câmeras do condomínio serão usadas para ajudar a identificar o suspeito.


Comentários