Ações também em outros estados · 13/07/2020 - 15h06

PRF-PI apreende cerca de 220,15 m³ de madeira irregular na operação 'Caapora'


Compartilhar Tweet 1



A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou na última terça-feira(07), a terceira fase da Operação Caapora. Iniciada na sexta-feira (26), as ações tiveram como foco o combate ao desmatamento, ao transporte ilegal de produto florestal e demais condutas ilícitas praticadas no Piauí.

No total, o efetivo mobilizado na regional foi de 12 policiais, atuando em todas as rodovias federais piauienses. Todos os PRFs passaram por um breve treinamento com policiais que já realizam trabalho nessa área, abrangendo as seguintes temáticas:

– Legislação ambiental com foco na fiscalização do produto de origem florestal;
– Tipos de perfil e cálculo volumétrico;
– Instrução Normativa 21 do IBAMA.

Nos nove dias de ações coordenadas em pontos estratégicos de fiscalização, como as rodovias BRs 343, 135 e 316, as equipes da PRF no Piauí registraram nove flagrantes de crimes ambientais relacionado a produtos de origem florestal resultando na apreensão de 220,15 m³ de madeira irregular e 5,0 m³ de carvão vegetal. O transporte e extração irregular de madeira é crime previsto na Lei 9605/98 – Lei de Crimes Ambientais. No total, 13 pessoas foram detidas por crimes ambientais.

 

    Foto: Divulgação/PRF

A Operação Caapora da PRF, cuja nomenclatura remete a palavra da língua Tupi que significa “àquilo ou àquele que vem do mato”, reforça o compromisso da instituição de prevenir e reprimir os delitos ambientais. Esses que são ainda objetivos da Operação Verde Brasil 2 desencadeada pelo Governo Federal na Amazônia Legal, na segunda-feira(11), da qual a PRF também faz parte.

    Foto: Divulgação/PRF

 


Fonte: Com informações do Nucom/PRF

Comentários