Crime aconteceu em junho · 31/10/2018 - 17h24

Polícia prende homem que matou esposa com facada no peito em cidade do Piauí


Compartilhar Tweet 1



O acusado de assassinar a própria esposa na cidade de Paulistana em junho deste ano, foi preso na tarde desta quarta-feira (31/10) na cidade de Carmópolis de Minas (MG).

Gabriela de Carvalho e Nailson de Carvalho discutiram no açougue do casal e ele a feriu com uma facada no peito.

Ela chegou a ser levada pelo marido ao hospital, mas não resistiu e morreu. Naislon se apresentou a polícia, mas foi liberado, fugindo em seguida.

Ele estava na cidade mineiro e a polícia chegou até ele após Nailson realizar uma cirurgia num hospital. Como ele não queria revelar a identidade, a polícia foi acionada e descobriu que ele respondia pelo feminicídio.

A polícia do Piauí expediu mandado de prisão e ele foi detido. Nailson aguarda agora a transferência.

Sobre o crime
Uma briga terminou na morte de uma jovem de 21 anos no dia 18 de junho. O caso aconteceu em Paulistana (PI). Gabriela de Carvalho e Nailson de Carvalho iniciaram uma briga dentro de um açougue, estabelecimento comercial de propriedade do casal. Depois de um desentendimento o comerciante atirou uma faca que atingiu o peito da jovem. Populares relataram que no local havia muito sangue no chão. As informações são do Portal do Chico Pedrosa

Após o ocorrido, Gabriela foi levada ainda com vida pelo próprio esposo ao Hospital Regional Mariana Pires em Paulistana. Uma ambulância foi acionada para transferir a vítima para a cidade de Picos, mas a jovem não resistiu aos ferimentos e morreu.

De cordo com a polícia, ao deixar Gabriela no hospital, Nailson demonstrou arrependimento e foi até o distrito policial se apresentar. Ainda segundo a Polícia Civil de Paulistana, o comerciante alegou que não teve intenção de matar a esposa, e disse que jogou a faca na parede, mas a faca rebateu e infelizmente atingiu fatalmente a mulher. O acusado chegou a ficar detido, no entanto foi liberado horas depois.

Nailson não tinha passagem pela Polícia, o jovem sempre trabalhou com açougue na cidade e nunca teve envolvimento com crime. O casal tem uma filha de aproximadamente 4 anos. 


Comentários