Enviava mensagens a vítima · 25/11/2019 - 16h09

Padrasto é preso suspeito de oferecer dinheiro para estuprar adolescente com deficiência


Compartilhar Tweet 1



Um homem de 42 anos foi preso, neste domingo (24/11), suspeito de oferecer dinheiro para uma adolescente de 16 anos para manter relações sexuais com ela. O caso aconteceu em Rio Branco do Ivaí, no Norte do Paraná. Segundo a Polícia Civil, a vítima possui deficiência auditiva e já vinha sendo abusada por ele há alguns meses. As informações são de Portal Banda B.

Em entrevista ao Portal o delegado Ricardo Augusto de Oliveira Mendes relatou que a mãe da vítima teria percebido os possíveis abusos, se separando do agressor há cerca de um mês.

“Após flagrar ele passando a mão na adolescente, a mãe procurou o Conselho Tutelar e, por meio de libras, a vítima consegui relatar o que vinha acontecendo. Além de passar a mão, ele costumava observá-la durante o banho”, descreveu o delegado.

 

O padrasto passou então a enviar mensagens para a enteada, oferecendo dinheiro e outros objetos para poder manter relação sexual com ela. Entre as mensagens, a polícia encontrou vários vídeos e fotos em que o agressor aparece nu.

Na delegacia, o suspeito permaneceu calado durante o interrogatório. Ele agora permanece à disposição da Justiça e vai responder por estupro de vulnerável e indução à prostituição.

 

 


Comentários