Crime bárbaro -

Mãe de policial morto pede justiça durante velório emocionante em Teresina

O velório do policial militar Mazoel da Silva Carvalho, 34 anos, foi realizado durante a madrugada e manhã desta quarta-feira (15/05), em Teresina. O corpo do PM foi velado sob forte comoção de familiares e amigos, contando com a presença de uma comitiva da Polícia Militar do Pará (PM-PA) para prestar a última homenagem ao soldado. Mazoel ingressou na corporação em 2018.

Foto: Reprodução

Durante o velório, a mãe do PM, Maria de Lourdes, expressou sua dor e clamou por justiça. Emocionada, ela destacou sua busca por respostas e pelo cumprimento da lei diante da tragédia que ceifou a vida de seu filho. Ela compartilhou sua angústia e sua esperança por um desfecho justo para o caso.

A morte de Mazoel em um ônibus interestadual, na BR-316 em Santa Luzia do Paruá, no Maranhão, ainda está sendo investigada pela Polícia Civil do Maranhão, que apura se o incidente se tratou de latrocínio. Mazoel deixa pai, mãe, noiva e cinco irmãos, deixando um vazio na família e entre seus colegas de farda, que o descreveram como um homem preocupado com o próximo e dedicado à sua missão na corporação. Após o velório em Teresina, seu corpo foi levado para o município de Pau D'Arco, onde será sepultado.

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco