Tragédia -

Laudo do IML revela que músico Carlos Henrique morreu após colisão em Teresina

O jovem músico Carlos Henrique, de 24 anos, faleceu em um trágico acidente de carro no cruzamento da Avenida Presidente Kennedy com a Avenida Dom Severino, na Zona Leste de Teresina, na madrugada desta quinta-feira (30/05). Inicialmente, havia a suspeita de que Carlos tivesse sido morto por uma bala perdida, mas um laudo do Instituto de Medicina Legal (IML) revelou que ele não foi atingido por disparos de arma de fogo.

Foto: Reprodução

Carlos estava em um veículo que foi atingido violentamente por um SUV dirigido por criminosos que fugiam de uma perseguição policial. A colisão aconteceu durante uma intensa perseguição da Força Tática do 9° Batalhão a uma SW4. Após a batida, testemunhas relataram que o músico teria sido atingido por uma bala perdida na cabeça. No entanto, o laudo cadavérico mostrou que não havia perfurações de tiro no corpo do músico nem marcas de bala nos veículos envolvidos no acidente.

O impacto da colisão foi devastador, resultando em graves ferimentos para Carlos Henrique. Ele teve o pé cortado, baço e fígado machucados, costelas quebradas e um profundo corte na cabeça. Esses ferimentos, provocados pelo acidente, foram inicialmente interpretados como marcas de tiro. A família de Carlos está consternada com a situação, e o caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

A Polícia Militar do Piauí, por meio do Comando de Policiamento Metropolitano e da Corregedoria, divulgou uma nota informando que está acompanhando e apurando todos os fatos relacionados à ocorrência policial que resultou na morte do músico. A PM ressaltou que todas as medidas cabíveis serão adotadas para esclarecer as responsabilidades do incidente.

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco