Menor estava na casa dele · 07/11/2019 - 12h04 | Última atualização em 07/11/2019 - 12h09

Homem que ajudou adolescente a fugir é detido e presta depoimento


Compartilhar Tweet 1



Um homem identificado como Ismar Gonçalves, de 32 anos, foi encaminhado para a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente na manhã desta quinta-feira (07/11) suspeito de ajudar no desaparecimento da adolescente de 17 anos não que não fez mais contato com a família deste que fez a prova no Enem do último domingo (03/11), na Zona Sul de Teresina.

Ela foi encontrada na noite desta quarta-feira (06/11) na cidade de União e em depoimento fez denúncias graves contra a própria família, como a de que sofria abusos sexuais.

Ismar foi denunciado pela própria irmã, que desconfiou da chegada de uma jovem na casa em que viviam, e que ele a apresentou como sua namorada.

No dia seguinte a mulher viu na televisão sobre o desaparecimento da adolescente e chegou a perguntar ao casal se era ela a jovem desaparecida, mas ambos negaram.

Na quarta, o homem levou a adolescente para União, onde foi encontrada em uma praça por populares.

Na casa de Ismar, no bairro Dirceu Arcoverde, Zona Sudeste de Teresina, a polícia encontrou um par de sandálias da adolescente. Ele prestou esclarecimentos na delegacia e segundo a irmã, os dois dormiam juntos e eram como um casal normal, e que a adolescente não era mantida em cárcere.

A irmã de Ismar conta que foi ameaçada de morte por ele e teme pela sua vida. Ela fez a denúncia após saber que o pai dela foi acusado de abuso sexual.

Ismar pode responder por subtração de incapaz, já que a jovem sofre de transtornos mentais e faz uso de medicação controlada.


Comentários