Cinco crimes · 07/04/2021 - 12h06

Diretor de escola é suspeito de estuprar jovens no interior


Compartilhar Tweet 1



O diretor de uma escola em Itaúna, a 76 km de Belo Horizonte, é suspeito de estuprar menores na cidade. O homem foi indiciado pela Polícia Civil por cinco crimes, incluindo tráfico de drogas. As informações são do R7.

O órgão passou a investigar o diretor escolar, que também é professor e líder comunitário, em novembro de 2020, após receber denúncias de que ele estaria abusando e aliciando menores de idade, conforme explica o delegado Leonardo Pio.

— Ele aliciava as vítimas oferecendo dinheiro, presentes, comida e favores em troca da prática de sexo.

Duas vítimas, de 14 e 15 anos, confirmaram que foram abusadas pelo suspeito, que já possui registros policiais por estupro de vulnerável. A mais velha teria sido abusada por cerca de um ano.

No início de março, o suspeito foi detido em flagrante pela Polícia Civil. Um adolescente, que teria uma relação com o diretor escolar, foi apreendido. No local, também foram recolhidos aparelhos celulares, computadores e maconha.

O inquérito foi concluído nesta segunda-feira (5) e o suspeito foi indiciado por estupro de vulnerável, corrupção de menores, lesão corporal, tráfico de drogas e associação com o tráfico. Segundo o delegado Leonardo Pio, as penas, somadas, podem chegar a 80 anos de prisão. A reportagem tenta contato com a defesa do indiciado.

Comentários