-

Bandido que matou PM em Teresina morre em troca de tiros em assalto a banco

Um homem identificado como Nilton César Silva Aguiar morreu por volta das 11h20 desta segunda-feira (20/06) durante troca de tiros com o segurança de um banco localizado em São Mateus/MA. O bandido matou um policial militar do Piauí em 2015, no cruzamento da avenida Barão de Gurgueia com a Gil Martins, em Teresina.

    Reprodução

A equipe RP50 de Jornalismo teve acesso a imagens do circuito de vigilância da instituição financeira. O vídeo mostra Nilton chegando ao local com uma barra na perna e muletas, simulando ter sofrido acidente de trânsito. Contudo, a barra na perna foi utilizado para esconder uma arma de fogo.

O criminoso entra no banco, vai ao guichê de atendimento, onde permanece sentado cerca de dois minutos. Em dado momento, ele se levanta, puxa a arma e corre em direção ao segurança, mas ao que tudo indica sua arma falha. O segurança que já observava o falso cliente, rapidamente saca de sua arma e revida a injusta agressão, alvejando Nilton no pescoço.

Mesmo baleado, o bandido ainda tenta atirar contra o trabalhador, mas novamente sua arma bate “catolé”. Perdendo muito sangue em pouco tempo, Nilton cai e morre na porta giratória que dá acesso ao banco. Outros dois comparsas teriam participado da ação criminosa dando cobertura, entretanto conseguiram fugir e estão sendo procurados pela Polícia Militar da região.

Matou um PM

Em 2015, Nilton matou o PM Erisvan Mesquita Silva, quando este transportava quantia em dinheiro de um posto de combustível. Em 2017, Nilton foi condenado a 24 anos de prisão em regime fechado. Ele, no entanto, havia fugido do sistema penitenciário em 2021 e vinha praticando ilícitos desde então até hoje.

🚨 Clique aqui e veja mais conteúdos do nosso parceiro Repórter Ponto 50.

Comentários