Piauí -

Quem é Mussoline Guedes?

Quem é Mussoline Guedes?

Em 1980, Teresina era o destino certo para o adolescente Mussoline Guedes e seus irmãos para seguirem nos estudos e chegar à universidade, pois a pequena cidade natal não dispunha de ensino médio e nem ensino superior.

Foto: reprodução Rafael vai anunciar Mussoline Guedes para Coordenadoria de Comunicação

Pelo desejo do pai, ex-prefeito Barra D’Alcântara, o filho Mussoline seria advogado para ajudar o grupo político nas demandas jurídicas. Gostando de matemática, ler e escrever, o jovem resolveu fazer o curso de Edificações na então Escola Técnica Federal do Piauí. O objetivo era se tornar engenheiro. Porém, sabendo de suas habilidades com a escrita, o amigo e conterrâneo Salomão Sobrinho, que já fazia Comunicação Social na UFPI, lhe deu a dica, foi quando, em 1986, a Engenharia perdeu Mussoline para o Jornalismo.

Ao começar a trabalhar já bem cedo no Jornal da Manhã, antes tendo passado por uma agência de propaganda, sentiu que tinha feito uma grande descoberta: nascera para aquilo. Foi o jornalismo que o livrou da timidez que trouxe do interior, segundo afirma. Tempos depois, lá estava o jovem jornalista entrevistando ninguém menos que o governador do Estado Mão Santa, lá pelo final dos anos 1990!

Mussoline mostrou a que veio e chegou ser chefe de redação do Jornal da Manhã e Jornal O Dia, neste duas vezes, e secretário de redação do jornal Diário do Povo, os cargos mais importantes dos veículos. Hoje é considerado um dos mais respeitados profissionais do jornalismo do Piauí.

Ainda no Diário do Povo, escrevia com foco em economia e, desde 2015, o então secretário de Fazenda Rafael Fonteles era uma de suas fontes principais nesse tema, a quem recorria com frequência.

Após passar pelos cargos mais importantes do jornalismo piauiense, com bom trânsito no meio tornou-se secretário de Comunicação da Prefeitura de Teresina, durante o primeiro mandato de Silvio Mendes.

Na fase como assessor de imprensa de grandes órgãos passou pelo Tribunal de Contas do Estado do Piauí, Tribunal Regional do Trabalho/PI. A atuação em nível nacional começou quando o piauiense João Henrique, ex-ministro dos Transportes, hoje secretário de Finanças da Prefeitura de Teresina, foi nomeado para a presidência nacional do SEBRAE, Mussoline então assume o cargo de gerente de Marketing, morando em Brasília.

Rafael Fonteles estava em sua trajetória mais uma vez. Residindo na capital federal, logo após deixar o SEBRAE, Mussoline assume a assessoria de imprensa do Comitê Nacional dos Secretários de Fazenda – COMSEFAZ a convite de Rafael. Dentre as muitas ações do COMSEFAZ,  duas projetaram o secretário de Fazenda do Piauí com a assessoria de Mussoline: a Reforma Tributária dos Estados e as articulações pela aprovação do Auxílio Emergencial durante a pandemia da Covid-19.

Ao deixar o COMSEFAZ, o jornalista volta a Teresina para depois engajar-se na campanha de Rafael Fonteles ao governo do Estado. O espírito de liderança de Rafael contou novamente com a colaboração de Mussoline Guedes. As intensas viagens pelo Piauí na campanha eleitoral vitoriosa sedimentaram a confiança entre assessor e assessorado. Mussoline Guedes segue sua bem-sucedida trajetória nas comunicações agora como indicado pelo governador eleito Rafael Fonteles para o cargo de Coordenador de Comunicação do Estado. O desafio encontra no menino filho de pequenos agricultores de Barra D’Alcântra um profissional competente e experimentado nos mais altos níveis da profissão.

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco