Que mais votam em Lula -

Atuação de Bolsonaro na pandemia fez rejeição feminina aumentar, analisa Quaest

Uma análise, encomendado pela Genial Investimentos, o diretor do instituto Quaest, Felipe Nunes, mostra que a atuação de Bolsonaro (PL) durante a pandemia fez a rejeição feminina, que já era grande em 2018, aumentar. Com informações do Metrópoles.

Nunes aponta que a maioria das pessoas que ainda estão preocupadas com a pandemia são mulheres, exatamente o segmento em que Bolsonaro mais tem rejeição e que mais vota em Lula.

Na visão de Nunes, o comportamento do presidente na pandemia explica o aumento de sua rejeição entre elas, o que tem impedido seu crescimento eleitoral.

PostMídia - 86995980258

Comentários