Política

Justificativa Inexistente · 21/05/2019 - 17h30 | Última atualização em 21/05/2019 - 20h59

Vice-prefeito denuncia prefeito do Piauí e diz que gestor mentiu ao justificar gastos

Prefeito é acusado de ter apresentado gastos com algo que não existe no município, que vem a ser o terminal rodoviário


Compartilhar Tweet 1



 

Por Rômulo Rocha - Do Blog Bastidores

 

 

SÓ TEM "ABRIGOS COM GRAVURAS"

Em um caso inusitado, o vice-prefeito de Jaicós, Francisco de Lima Rodrigues, denunciou o prefeito Ogilvan da Silva Oliveira por supostas práticas de corrupção no município.

Em denúncia encaminhada ao Tribunal de Contas do Estado, o vice conta que no ano de 2018, para justificar gastos de R$ 44.950,00 na prestação de contas, o gestor incluiu esse valor como que sendo "despesas com terminais rodoviários".

"Ocorre", segundo a denúncia, "que, no Município de Jaicós - PI, não existe terminal rodoviário onde possa ter sido usado o valor respectivo constante nos lançamentos das despesas como conservação de terminais rodoviários".

E que, "verificando-se os possíveis gastos sob esse título, constatou-se que o município possui três abrigos para os passageiros aguardarem ônibus, que foram pintados com algumas gravuras alusivas ao slogan da gestão municipal". 

"NÃO GASTARIA 10% DO VALOR COM OS ABRIGOS"

Um dos abrigos, que não se confunde com terminal rodoviário
_Um dos abrigos, que não se confunde com terminal rodoviário 

"Todavia", segue, " mesmo esses serviços executados não são capazes de justificar o valor total dos gastos como conservação de terminais rodoviários, pois, trata-se apenas de abrigos de passageiros", e, dessa forma, "não se gastaria 10% do respectivo valor para serviços de limpeza e pintura dos mesmos, ainda mais porque a empresa possui contrato de limpeza urbana com empresa de prestação de serviços".

O relator, conselheiro Kléber Eulálio, determinou que o prefeito Ogilvan da Silva Oliveira fosse citado para apresentar a sua defesa.


Comentários