Política

Mais uma escola inacabada · 17/06/2021 - 18h01

Vereadores denunciam que ex-prefeito não fez obras em escola com recursos do FUNDEF

Polícia Federal pediu ao Tribunal de Contas do Estado processo em que figura plano de aplicação de recursos de precatórios do FUNDEF


Compartilhar Tweet 1



Por Rômulo Rocha - Do Blog Bastidores

 

_Placa da obra e da construtora responsável (Imagem: Divulgação)
_Placa da obra e da construtora responsável (Imagem: Divulgação) 

UMA ESCOLA COM O NOME DE “ALEGRIA” NO PIAUÍ JÁ NASCE ASSIM...

Os vereadores Rodolfinho e Luciano denunciaram que o ex-prefeito de Dirceu Arcoverde Carlos Gomes de Oliveira - o Carlão do Feijão, não concluiu em sua gestão a obra de uma quadra poliesportiva da unidade escolar Alegria do Saber, localizada no município, além de que não concluiu a reforma da unidade, prevista em plano de aplicação de recursos oriundos de precatórios do FUNDEF encaminhado ao Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI). Como divulgou o Blog Bastidores, do 180graus.com, a Polícia Federal solicitou ao Tribunal de Contas do Estado informações sobre processo que contém esse plano. 

Pelo plano de aplicação de recursos federais, ao menos três itens fazem menção à Unidade Escolar Alegria do Saber. São eles:

 - Aquisição de dois imóveis (terrenos) para construção de duas quadras de esporte, sendo uma na sede do município, vinculada à Unidade Escolar Alegria do Saber e outra na zona Rural, no povoado Lagoa do Buraco, vinculada à Escola Municipal Lagoa do Buraco: R$ 100 mil;

- Construção de duas Quadras Poliesportivas, uma na Sede do Município, vinculada à Unidade Escolar Municipal Alegria do Saber e a outra no Povoado Lagoa do Buraco, zona rural, vinculada à Escola Municipal Lagoa do Buraco: R$ 850 mil;

- Reforma da Unidade Escolar Alegria do Saber: R$ 150 mil.

Segundo o vereador Rodolfinho, a empresa S & Daladyer Construtora LTDA (Belos Construtora) já teria recebido R$ 412 mil pela construção da Quadra Poliesportiva.

Em relação ao valor diz que foi “o que constatamos através dos balancetes até setembro de 2020, pois estamos sem receber balancetes na Câmara de outubro, novembro e dezembro”, diz.

Ainda segundo Rodolfinho, “desse valor R$ 200 mil foram pagos ainda em 2019. “E como podemos ver a obra está totalmente abandonada e não concluída”, complementou.

Também disse que “a empresa recebeu em 8 pagamentos: 30/10/19 - R$ 100 mil; 31/10/19 - R$ 50 mil; 22/11/19 - R$ 50 mil; 09/12/19 - R$ 50 mil; 03/01/20 - R$ 60 mil; 29/01/20 - R$ 50 mil; 17/03/20 - R$ 15.526,13; 24/09/20 - R$ 37 mil. Num total de R$ 412.526,00”.

VISITA DO ÚLTIMO DIA 16 DE JUNHO DE 2021

Os vereadores estiveram na obra em 16 de junho último quando fizeram vários registros fotográficos, abaixo.

"Infelizmente, essa obra está aqui nessas condições, totalmente inacabada e abandonada. Como você pode ver não foi feito a parte de alambrado, a parte hidráulica, a parte elétrica e muita parte de acabamento aqui sem fazer. Infelizmente é mais uma obra que o município vai ficar no prejuízo.", diz Rodolfinho em vídeo gravado no local. 

"Infelizmente o serviço que a gente vê é isso. Um serviço não concluído", reforçou o vereador Luciano.

VEJA S FOTOS da ESCOLA ALEGRIA DO SABER:

 

Comentários