Política

Durante entrevista · 26/04/2022 - 11h58 | Última atualização em 26/04/2022 - 12h01

Ciro Nogueira classifica afirmação de ministro do Supremo Tribunal de "ponto fora da curva"

Luís Roberto Barroso disse que as Forças Armadas são orientadas a "atacar" e "desacreditar" o processo eleitoral


Compartilhar Tweet 1



 

Por Rômulo Rocha - Do Blog Bastidores

 

_Ministro-chefe da Casa Civil Ciro Nogueira (Imagem: Reprodução)
_Ministro-chefe da Casa Civil Ciro Nogueira (Imagem: Reprodução) 

O ministro-chefe da Casa Civil Ciro Nogueira classificou de "ponto fora da curva" afirmação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso de que as Forças Armadas são orientadas a "atacar" e "desacreditar" o processo eleitoral. 

A declaração do membro do Executivo foi dada ao JR Entrevista, da Record. 

Já a fala de Barroso ocorreu em um seminário sobre o Brasil promovido pela Universidade Hertie School, de Berlim, na Alemanha. A participação do ministro foi por teleconferência.

Para Ciro Nogueira, tal declaração não contribui para o respeito às instituições. 

"Acho que esse tipo de declaração não ajuda nesse processo de respeito às instituições, aos deveres, às atribuições. Mas espero que a gente tenha o máximo possível de bom senso para superar este momento", avaliou.

"Eu sei que no Brasil, antigamente nós tínhamos 100 milhões de técnicos de futebol na véspera da Copa. Agora são 100 milhões de juízes do Supremo fazendo avaliações. O que cabe agora é nós ajudarmos a pacificar. Nós estamos num momento da nossa retomada de vida econômica. As pessoas hoje estão muito mais preocupadas em retomar seus empregos, seu poder de compra, ter suas vidas de volta, do que com esse tipo de discussão", pontuou o ministro do governo Bolsonaro.

- Confira a íntegra da entrevista

Comentários