Política

Brasil · 13/10/2021 - 18h51 | Última atualização em 13/10/2021 - 19h05

Bolsonarista, Roberto Jefferson insinua que Ciro Nogueira trabalha contra interesse do presidente

Em carta intitulada de “Reflexão de um preso político” também chama Ciro de "príncipe das trevas" e questiona sobre suposto acordo com Renan


Compartilhar Tweet 1



 

Do Blog Bastidores

 

_Presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson (Imagem: Divulgação)
_Presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson    PTB

O presidente do PTB, Roberto Jefferson, que se recupera de um cateterismo, insinuou em carta intitulada “Reflexão de um preso político” que o ministro da Casa Civil Ciro Nogueira trabalharia contra interesse do presidente da República Jair Bolsonaro. 

Chamando Nogueira de “príncipe das trevas” e “anjo decaído”, o político indaga sobre suposto acordo entre o ministro e o senador Renan Calheiros para escolha de um outro nome em substituição ao do “terrivelmente evangélico” André Mendonça, indicado por Bolsonaro para ministro do Supremo Tribunal Federal (STF).

A carta foi escrita do Hospital Samaritano, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, e divulgada por aliados.

MAIS LENHA NA FOGUEIRA

Em meio a vários questionamentos, Roberto Jefferson acabou endossando as suspeitas do pastor Silas Malafaia de que Ciro estaria trabalhando contra a sabatina, no Senado, de André Mendonça.

"Essa foi a visão profética do pastor Silas Malafaia. Deus falou pela sua boca, como falou pela boca de Jeremias", escreveu na carta. 

PRISÃO

Jefferson está internado até que seja liberado para retornar à prisão. O presidente do PTB foi preso no inquérito dos atos antidemocráticos.

Comentários