Incidente alarmante -

Pai revoltado com demora em UPA briga com vigia: 'Se fosse teu filho?'

Um pai manifestou indignação com a demora no atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Recanto das Emas, no Distrito Federal, nesta quarta-feira (29/05), após buscar ajuda para sua filha, que estaria com um objeto obstruindo a garganta. A situação se intensificou quando o homem discutiu com um segurança, conforme registrado em vídeo por testemunhas. Com informações do Metrópoles.

Foto: Reprodução

"Grita o médico! Grita o médico! Se fosse o seu filho?", disparou o pai em meio à discussão. O confronto se acirrou quando ele se aproximou do segurança, que o empurrou e alertou para não encostar nele.

Após ser empurrado, o pai agrediu o segurança, que reagiu com um chute. O Sindicato dos Vigilantes do DF lamentou o episódio e ressaltou que a UPA enfrenta falta de médicos, o que acaba gerando frustração na população, que muitas vezes desconta sua angústia nos seguranças.

Assista o vídeo aqui!

Por sua vez, o sindicato destacou que os vigilantes não têm a atribuição de chamar os médicos, sendo sua função cuidar da segurança e do patrimônio público. Além disso, ressaltou que a quantidade de vigilantes nas UPAs é insuficiente.

O Metrópoles tentou contato com o Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF), responsável pelas UPAs, mas não obteve resposta até o momento. O espaço permanece aberto para manifestações.

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco