Policia investiga o caso -

Líder religiosa e marido são encontrados mortos com corpos queimados

Foram encontrados os corpos carbonizados de Sebastiana, líder religiosa da etnia guarani-kaiowá da aldeia Guassuty, e seu marido, Rufino, em Aral Moreira, localizada a 368 quilômetros de Campo Grande, na segunda-feira (18/09). Com informações do TopMídia News.

Foto: Repórter Top

As circunstâncias que levaram ao crime estão sob investigação da Polícia Civil, que tomou conhecimento do caso. A residência das vítimas foi completamente consumida pelas chamas.

Segundo informações do site Ligado na Notícia, a casa onde o casal foi encontrado era utilizada para a realização de rituais tradicionais da aldeia.

A Funai (Fundação Nacional dos Povos Indígenas) também confirmou o ocorrido, e a Polícia Federal foi acionada para acompanhar as investigações.

Uma força-tarefa, composta pela Polícia Civil e Polícia Militar, foi montada com o objetivo de localizar o suspeito ou suspeitos do crime o mais rapidamente possível. A investigação continua em andamento.

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco