Coragem e tranquilidade -

Jovem assassinado tranquilizou o pai antes de morrer: 'Estou bem'

Pedro Albieri, um adolescente de 17 anos que perdeu a vida após ser esfaqueado por um idoso, demonstrou coragem e tranquilidade momentos antes de falecer, conforme relatou sua mãe, Ângela Albieri, em uma entrevista à Record TV. Pedro, morto a facadas, dirigiu palavras reconfortantes ao pai no momento crítico. Com informações do R7.

Foto: Reprodução

Segundo Ângela, seu filho disse ao marido: "Pai, estou bem, não está doendo". Posteriormente, ele ficou em silêncio, e Ângela chegou a seu lado e disse: "Pedro, a mãe está aqui, fica comigo".

O trágico incidente ocorreu quando Pedro e sua namorada estavam a caminho do mercado, em Guarulhos, na Grande São Paulo, quando o idoso Antônio Tavares da Silva, de 64 anos, fez um comentário sobre a moça que Pedro não apreciou. Pedro confrontou o homem, que o atacou com facadas no coração. Após o ataque, o idoso fugiu do local.

Imagens mostram a namorada de Pedro em estado de desespero, correndo em busca de ajuda. O pai de Pedro foi o primeiro a chegar e conversou com o filho, seguido pela mãe. O adolescente foi levado a um hospital próximo, mas não sobreviveu aos ferimentos.

O idoso permanece foragido desde o dia do crime, enquanto a família da vítima clama por justiça em nome de Pedro. A trágica perda tem gerado grande comoção e um forte apelo por uma resolução do caso.

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco