"Destinados à sua esposa" -

Homem explica à polícia plantação de maconha em casa: “Lazer e terapia”

Foto: Reprodução

Um residente de Álvares Machado, no interior de São Paulo, teve seis vasos com plantas de maconha (Cannabis sativa) apreendidos pela Polícia Militar Ambiental na última quinta-feira (06/06). Ele declarou à polícia que cultivava a planta para "lazer" próprio e para fins terapêuticos destinados à sua esposa.

Os policiais descobriram os vasos de maconha de maneira acidental, após comparecerem à casa do homem, localizada no bairro Bela Vista, para investigar uma denúncia de maus-tratos a animais domésticos. Durante a vistoria, não foram constatados maus-tratos, mas os agentes encontraram os vasos com cannabis após detectarem o forte odor característico da planta.

No local, foram encontrados cinco vasos com plantas jovens e um vaso com uma planta adulta da espécie Cannabis sativa. O morador confirmou que se tratava de maconha e explicou aos policiais que a planta era destinada ao seu uso recreativo e para tratamentos terapêuticos de sua esposa, sem especificar a condição médica dela.

As plantas foram apreendidas e encaminhadas ao Instituto de Criminalística. O homem foi levado à Delegacia de Álvares Machado, onde prestou depoimento e foi liberado em seguida.

Fonte: Metrópoles

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco