“maldita sionista” -

Ataque antissemita na Bahia: Mulher depreda loja e profere insultos 'Assassina'

Foto: Do Poder360

A Polícia Civil da Bahia está investigando um incidente em Arraial d'Ajuda, Porto Seguro (BA), como um possível ato de antissemitismo. Um vídeo que circula nas redes sociais mostra uma mulher não identificada depredando uma loja e insultando a dona, Herta Breslauer, com termos antissemitas, chamando-a de "assassina de crianças" e "maldita sionista".

No vídeo, Breslauer, que é judia e proprietária do estabelecimento danificado, se identifica como tal e denuncia a agressora como antissemita. A vítima registrou um boletim de ocorrência e a polícia está investigando os crimes de racismo, ameaça, dano e lesão corporal.

Foto: Reprodução/ Poder360 (Rede Social)

A Conib (Confederação Israelita do Brasil) e a Sociedade Israelita da Bahia se manifestaram, condenando a agressão como um "crime de ódio" e pedindo por uma investigação adequada. Em nota, afirmaram que o antissemitismo deve ser repudiado por todos, destacando que a escalada desse comportamento nos últimos meses está relacionada a visões distorcidas sobre Israel e judeus.

Os vídeos do incidente repercutiram nas redes sociais, com o termo "nazista" tornando-se um dos temas mais comentados, refletindo a indignação pública diante do ocorrido. O caso levanta preocupações sobre a crescente onda de antissemitismo e a necessidade de combater tais atitudes para evitar consequências mais graves.

Conteúdo produzido pelo Portal Poder360 –  www.poder360.com.br
 . Todos os direitos reservados. Reprodução permitida mediante autorização expressa.

Fonte: Reprodução/ Poder360

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco