Municípios - PI

Estado de calamidade no PI · 14/02/2017 - 13h37 | Última atualização em 14/02/2017 - 17h33

Prefeito teme que mais residências desabem em Bertolínia e pede ajuda

Sede da prefeitura, do Samu e uma escola estão interditados após chover 300 milímetros em dois dias


Compartilhar Tweet 1



O prefeito do município de Bertolínia, região Sul do Piauí, a 369 km de Teresina, pediu ajuda a Secretaria de Defesa Civil, governo do estado e governo federal, após chover 300 milímetros em dois dias e causar muitos estragos. “Há cerca de 13 casas que desabaram e mais 20 com risco iminente de desabar. A sede da prefeitura, do Samu e a Unidade Escolar Bertolino Rocha estão entre os prédios interditados”, relatou o prefeito ao 180graus.

Segundo o prefeito, não há mortos nem feridos com os desabamentos após as chuvas dos dias 09 e 10 de fevereiro. A preocupação do prefeito agora é que a cidade fique isolada. “O açude Xixá que estava totalmente seco há 15 dias já sangrou e a parede de contenção abaixo dele e que protege a passagem molhada da cidade já está para ser coberta também. Se isso acontecer, isola a cidade”, frisou.

As famílias das casas com risco de desabamento estão sendo orientadas a deixar suas residências. “A gente dá um jeito de acomodar. A recomendação é que as pessoas saiam das casas comprometidas”, contou.

O prefeito Dr. Luciano aguarda a chegada de equipes da Defesa Civil a cidade.

Confira vídeo e fotos dos estragos causados pela chuva em Bertolínia:

Fotos: Ascom da Prefeitura