Municípios - PI

Brasil Solair · 16/04/2015 - 17h49 | Última atualização em 16/04/2015 - 17h53

Prefeito recebe empresários para tratar sobre a utilização da energia solar em Campo Maior

O objetivo reduzir os custos das empresas com energia


Compartilhar Tweet 1



O Prefeito de Campo Maior, Paulo Martins recebeu nesta quarta-feira (15/04), empresários locais para tratar sobre a utilização da energia solar nos estabelecimentos comerciais utilizando painéis solares. Participaram da reunião representantes da Câmara de Dirigentes Logísticas (CDL), da Associação Comercial de Campo Maior e do gerente regional no Piauí da empresa Brasil Solair, Luis Eduardo do Rio de Janeiro que fez a apresentação de como o sistema funciona.

O objetivo, segundo Paulo Martins é desafogar o sistema da Eletrobrás, reduzir os custos das empresas com energia e com isso possa ter mais lucros e gerar mais empregos. “Convidamos a empresa para fazer essa apresentação de uma alternativa nova de energia limpa. Nossa intenção é ajudar as empresas a ter mais lucros e gerar empregos. Acreditamos que é fundamental os empresários analisarem a proposta”, comentou o prefeito.

A Brasil Solair, segundo Luis, trabalha com locação de painéis solares somente para empresas privadas. “Pegamos o consumo nos últimos 12 meses, calculamos um sistema projetado e cobramos um valor bem mais em conta se comparado ao que é cobrado pela Eletrobrás”, explicou.

As primeiras empresas a aderir ao sistema é a Mercearia o Gomes e Mil Motos, que são de propriedades do Sr. Gomes e seu filho, Jânio Gomes. De acordo com os cálculos, as duas empresas deverão ter uma economia ao ano de R$ 10 mil reais. “Mas a proposta varia dependendo da situação de cada cliente”, diz o gerente. Empresário Gomes está apenas aguardando que a Eletrobrás aprove o projeto e logo após será instalado o sistema. Ele argumentou que aderiu ao sistema pensando na economia. “Conforme os cálculos vamos ter uma economia de 10 mil ao ano nas duas empresas”, comentou.

Luis Eduardo explicou que o painel é instalado no telhado do cliente e a energia é produzida no seu próprio local. Não existe custo nenhum para a instalação. A empresa projeta, planeja, instala os painéis, medidor e inversores. “Nós fazemos todo tramite legal junto a Eletrobrás e o cliente só paga o que for produzido pelos painéis”, disse que informando que em Campo Maior a empresa tem como representante o Francisco Ibiapina.

No Piauí, a empresa já tem 40 contratos entre estes, os Postos CN, Postos KING, Posto Cristo Rei, Posto Cacique, Shopping da Madeira, Padaria Excelência e vários outros.

O gerente da Brasil Solair garantiu que, caso um bom número de empresas de grande porte de Campo Maior aderir ao sistema, o fornecimento de energia da Eletrobrás poderá melhorar para a sociedade em geral. “Isso acontece porque as empresas irão tirar parte da sobrecarga da Eletrobrás”, pontuou.

Veja fotos:


Fonte: Com informações da Ascom