Municípios - PI

Semiárido do Piauí · 07/04/2015 - 22h39

Municípios do Piauí serão beneficiados com o Projeto 'Viva o Semiárido'

Pretende melhorar a renda agrícola com geração de renda às famílias rurais semiárido do Piauí


Compartilhar Tweet 1



A Seduc participará como agência co-executora e esse trabalho se dará com base em Acordos Específicos de Implementação, assinados entre a Unidade de Gestão do Projeto – UGP e cada uma delas. Estes acordos, gerais e em bases anuais, estabelecerão os programas de trabalho de cada agência co-executora, as metas a serem atingidas e a contribuição financeira do Projeto para cada agência executar as atividades acordadas.

De acordo com o professor Dante Galvão, técnico da gerência de inclusão e diversidade da Seduc a secretaria trabalha com a perspectiva de formar técnicos com foco na convivência com o semiárido. “Nosso trabalho será com as escolas regulares, fundamental e médio, escolas agro técnicas, analisando as condições operacionais, oficinas, subsídios, professores da rede, transporte, produção de material de mídia e ainda ações de formação de professores, elaboração e publicação de materiais, como caderno de experiências, com o foco na educação contextualizada no semiárido”.
O Projeto tem como fundamento legal o Acordo de Financiamento a ser assinado entre o Governo do Estado do Piauí e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola – FIDA, sendo o Governo Federal o garantidor do empréstimo.

Melhorar a produção agrícola e não-agrícola dos produtores pobres e o acesso ao mercado e às cadeias de valor relevantes, provendo assistência técnica adequada, recursos financeiros e fortalecendo suas organizações sociais e produtivas; Fortalecer as capacidades da população alvo, em particular a dos jovens, para gerar renda e acessar os mercados de trabalho, por meio da disseminação de conhecimento específico ao ambiente semiárido, bem como pela promoção da educação técnica e profissional; Reforçar a capacidade de instituições rurais chave para desenvolver sistemas de assistência técnica, desenhar e implementar políticas de desenvolvimento rural na região do semiárido, são os objetivos específicos do projeto.

Os critérios utilizados para seleção dos municípios da área de atuação foram: pertencer a territórios de identidade rural, municípios com baixo IDH, municípios situados no semiárido e municípios com potencial produtivo.

O projeto abrangerá 4 dos 11 territórios nos quais o estado se divide. Estes territórios ocupam a maior parte da região semiárida do Piauí e inclui 89 municípios. Os territórios incluídos são: Vale do Sambito (15 municípios); Vale do Rio Guaribas (39 municípios); Vale do Rio Canindé (17 municípios); e Serra da Capivara (18 municípios).


Fonte: Seduc\PI