Pesquisa Credibilidade · 14/11/2019 - 13h06

Credibilidade/Campo Maior: Com 80% de reprovação, Ribinha tem índice recorde


Compartilhar Tweet 1



O prefeito Professor Ribinha alcançou índice recorde de reprovação na cidade de Campo Maior. Em levantamento realizado pelo Instituto Credibilidade, 80,5% dos entrevistados disseram que não aprovam a gestão do petista. Números que podem complicar ainda mais a empreitada de Ribinha na tentativa de disputar a reeleição pelo Partido dos Trabalhadores.

Na pesquisa, só 11% disse aprovar a gestão do prefeito. 5% não quis ou não soube opinar. 3,5% respondeu nenhum.

Na avaliação, 2,25% considera a gestão como ótima. É boa para 8,5%, regular na opinião de 13%, ruim para 53% e péssima para 18,5% dos entrevistados. 2,75% não quis ou não soube opinar, e 2% respondeu nenhum.

O Credibilidade quis saber ainda se a vida dos campomaiorenses entrevistados melhorou na gestão de Ribinha. 

9,25% respondeu que sim. 83,25% disse que não. 5,25% não soube ou não quis opinar. E 2,25% respondeu nenhum.


Intenção de voto para prefeito de Campo Maior

O ex-prefeito Joãozinho Félix lidera pesquisa de intenção de voto para prefeito de Campo Maior, em 2020. No levantamento estimulado realizado pelo Instituto Credibilidade, ele soma 52% de preferência.

É seguido por outro ex-prefeito, Paulo Martins, com 23,25% de intenção de voto. O atual prefeito, professor Ribinha, cuja candidatura à reeleição ainda é tida como incerta no Partido dos Trabalhadores, soma apenas 8,50%.

Dos entrevistados, 10,5% não souberam ou não quiseram opinar. Os que responderam nenhum, nulo ou branco somam 5,75%.

Espontânea

Na espontânea, quatro nomes foram citados. Joãozinho foi o mais lembrado, mencionado por 39% dos entrevistados. Paulo Martins foi citado por 15,75%. Professor Ribinha somou 6,75% e Fernando Miranda foi lembrado por 0,5%. 38% não soube ou não quis opinar. 

Confronto direto

O Credibilidade simulou ainda cenários de confronto direto. Entre Joãozinho e Paulo Martins, o primeiro leva a melhor com 52% de intenção de voto, contra 27,75% do petista. Indecisos são 13,25% e os que responderam nenhum, nulo ou branco somam 7%.

Já no embate entre Joãozinho e Ribinha, o ex-prefeito melhora seu desempenho e vai a 57,5% de intenção de voto, contra 12% para o petista. 17,5% não souberam ou não quiseram opinar, e os restante 13% disse que votaria nenhum, nulo ou branco.

Melhor prefeito

A pesquisa questionou ainda os eleitores de Campo Maior sobre quem foi o melhor prefeito da cidade, considerando os que são pré-candidatos. Na opinião de 53,75%, o melhor foi Joãozinho Félix. Para 27,5% o melhor foi Paulo Martins. Ribinha é o melhor na opinião de 5,75%. Indecisos somam 6,5% e os que responderam nenhum, 6,5%.

Escolha do candidato a vereador

Os eleitores também foram sondados sobre o processo de decisão na escolha do candidato a vereador. 32,75% escolheriam um candidato ligados ao ex-prefeito Joãozinho. 5% tem preferência por um nome ligado ao prefeito Ribinha. Para 45%, tanto faz. 

Indecisos somam 12,75% e os que responderam nenhum, nulo, branco são 4,5%.

Dados da pesquisa

O levantamento do Credibilidade em Campo Maior foi realizado nos dias 12 e 13 de novembro, ouvindo 400 eleitores. A margem de erro é de 4,9% e o nível de confiança é de 95%.


Comentários