Vítima de massacre em Suzano · 14/03/2019 - 16h55 | Última atualização em 14/03/2019 - 17h14

Sobrinho de professora do Piauí era corintiano roxo e recebeu linda homenagem da Fiel


Compartilhar Tweet 1



O adolescente Douglas Murilo Celestino, 16 anos, morto na manhã desta quarta-feira (13/03), no massacre na cidade de Suzano era corinthiano roxo e frequentava a Arena Corinthians assim que podia. O adolescente que era sobrinho de uma professora da rede pública de ensino em Picos recebeu uma linda homenagem da Fiel. 

Ao saber que um torcedor fanático do Corinthians estava entre as vítimas do atentado em Suzano, a torcida alvinegra tratou de se juntar e fazer uma homanagem pelo jovem garoto. Através das redes sociais, a torcida organizada Gaviões da Fiel prestou homenagem ao corinthiano. 


“Vou bater asas, voar para o infinito; Num vôo bonito, feito um Gavião. Douglas Murilo, corinthiano, maloqueiro e sofredor! Descanse em paz! #LutoPorSuzano“, publicou a maior torcida organizada da história do Corinthians.

Nos comentários da publicação da Gaviões da fiel, a torcida corintiana não deixou de lembrar que Kaio Lucas, que também foi morto no atentado, era outro torcedor alvinegro. Diversos torcedores comentaram a publicação demonstrando muita tristeza e desejando paz aos garotos.

Sobrinho de professora piauiense

O adolescente Douglas Murilo Celestino, 16 anos, morto na manhã desta quarta-feira (13/03), no massacre na cidade de Suzano (SP), é sobrinho de uma professora da rede pública de ensino em Picos.

O corpo do adolescente está sendo velado em uma igreja evangélica de Suzano, onde o jovem frequentava com sua família. Seu enterro está marcado para as 17h, após um culto in memorian. 

Morreu como herói

Douglas conseguiu escapar dos atiradores. Contudo, sua namorada não havia saído da escola e ele retornou para buscá-la. Ao chegar ao colégio, Murilo foi percebido pelos assassinos e, em seguida, baleado.

Ele não foi a óbito no momento do massacre. Conseguiu ser socorrido, mas faleceu ao chegar ao Hospital de Clínicas Luzia Pinho de Melo.  Sua namorada também foi baleada e segue internada, de acordo com os médicos, em estado estável.


Comentários