Vídeo -

Primeiro-ministro da Eslováquia sofre tentativa de assassinato

Na tarde desta quarta-feira (15/05), o primeiro-ministro da Eslováquia, Robert Fico, foi alvo de uma tentativa de assassinato após uma reunião de governo na cidade de Handlová, localizada a 190 km da capital Bratislava. O premiê foi atingido por pelo menos um tiro e foi transportado consciente para um hospital em Banská Bystrica, onde seu estado de saúde é considerado grave.

Foto: Reprodução/Redes sociais

Logo após ser atingido, o premiê foi cercado por seguranças e levado para uma limusine do governo. Um vídeo, publicado na rede social X (antigo Twitter), ainda mostra o momento da prisão do atirador. Veja:

O suspeito, identificado como J.C. Braň, de 71 anos, que possuía porte de arma, foi detido no local. Testemunhas relatam que o atentado ocorreu quando Fico se aproximou de um grupo de pessoas reunidas após a reunião, aparentemente sem hostilidades anteriores. O momento da prisão do atirador foi registrado em vídeo e compartilhado nas redes sociais.

Atualmente, Braňele está sob custódia e o caso foi assumido pela Agência Penal Nacional. Até o momento, não há informações sobre o motivo específico por trás do ataque.

Comoção política

Em nota, publicada nas redes sociais, a presidente da Eslováquia, Zuzana Caputová, condenou o que chamou de ataque “brutal”. “Totalmente chocada com o ataque brutal de hoje ao primeiro-ministro de #Slovakia Robert Fico, que condeno nos termos mais fortes possíveis. Desejo-lhe muita força neste momento crítico e rápida recuperação. Meus pensamentos também estão com sua família e pessoas próximas”, escreveu.

O primeiro-ministro tcheco, Petr Fiala, também se manifestou. “Não devemos tolerar a violência, ela não deve ter lugar na sociedade”, disse em nota. Ele ainda desejou que Robert Fico se recupere rapidamente. Estão entre os líderes que condenaram o atentado o chaneler da Alemanha, Olaf Scholz, e o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky.

Fonte: Metrópoles

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco