Não fossem atingidos · 17/01/2022 - 17h00

Mulher morre ao tentar salvar cães de tsunami


Compartilhar Tweet 1



Angela Glover, uma britânica de 50 anos, morreu ao ser arrastada pelo tsunami que atingiu a ilha de Tonga, na Polinésia, após a erupção de um vulcão submarinono último sábado (15/01) . Segundo informações de familiares, ela estava junto com o marido tentando salvar seus cães para que eles não fossem atingidos pelas ondas. As informações são do iG.

Angela morava na ilha há cerca de 7 anos e administrava santuário de cães na capital de Tonga, Nuku’alofa. De acordo com seu irmão, Nick Eleini, ela e o marido, James, estavam caminhando na praia quando o tsunami atingiu a ilha. 

"Eu entendo que esse terrível acidente aconteceu enquanto eles tentavam resgatar seus cães. Angela e James amavam sua vida em Tonga e adoravam o povo tonganês, em particular, amavam o amor tonganês pela família e a cultura tonganesa", disse Eleine ao Mirror .

James consegiu sobreviver ao se segurar em uma árvore e entrou em contato com a polícia após Angela não voltar para casa. O corpo da mulher e de um dos cães foram localizados horas depois. 

Antes do tsunami, Angela publicou fotos e comentou sobre o alerta de tsunami na região. "Estivemos sob alertas de tsunami hoje… Está tudo bem… Algumas ondas… Alguns silêncios assustadores”, escreveu.

 

Comentários