Tinha 110 mil seguidores -

Influenciadora que lutava contra o câncer morre aos 13 anos

A influenciadora Lorena Torezan Viviani, de 13 anos, que morava em Santa Rita do Passa Quatro, no interior de São Paulo, morreu na última quarta-feira (07/02). Ela lutava contra o câncer há cerca quatro anos.  As informações são do Terra.

Foto: ReproduçãoLorena Torezan Viviani tinha 110 mil seguidores no Instagram, onde compartilhava sobre sua rotina
Lorena Torezan Viviani tinha 110 mil seguidores no Instagram, onde compartilhava sobre sua rotina

Lorena conquistou seu espaço na internet logo após o diagnóstico da doença, em 2020. Seus vídeos compartilhando danças, receitas e dicas de maquiagem, além da sua história de batalha contra o câncer, alcançaram pessoas de todo o país. Na época, uma mobilização comunitária foi promovida para ampliar sua base de seguidores na plataforma digital.

O diagnóstico do câncer veio às vésperas de Lorena completar seus 10 anos de idade. Inicialmente, ela fez sessões de quimioterapia. Embora tenha apresentado avanços no tratamento, pouco tempo depois foi descoberto outro tumor, localizado atrás da veia cava, a principal artéria que retorna o sangue ao coração.

Esta nova condição desencadeou várias metástases, o que significa que as células cancerígenas se espalharam por diversas partes do corpo, inclusive atingindo o útero da jovem.

Lorena estava sob os cuidados do Hospital do Amor em Barretos (SP), onde teve acesso a um tratamento de última geração, com um medicamento desenvolvido nos Estados Unidos, segundo informações da EPTV. O tratamento foi oferecido de forma gratuita, como parte de um programa de pesquisa conduzido pelo hospital.

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco