Saiba quem era a vitima -

Corpo de piloto é encontrado próximo a destroços de aeronave em SP

O corpo do piloto Ângelo Chaves Pucci, de 44 anos, foi encontrado no início da tarde deste sábado (30/3) pelas equipes que realizavam as buscas por terra, no local onde foram avistados os destroços da aeronave que desapareceu após decolar do aeroporto de Jundiaí, no interior de São Paulo. A informação foi confirmada pela Defesa Civil do Estado.

As equipes envolvidas nas buscas incluíam membros da Força Aérea Brasileira (FAB), do Corpo de Bombeiros e da Guarda Civil de Jundiaí. O corpo foi localizado em uma área de mata fechada e terreno íngreme, na Serra do Japi.

Foto: Reprodução

Os destroços da aeronave foram encontrados pouco antes das 12h deste sábado por equipes terrestres, pois os sobrevoos da FAB e da Polícia Militar haviam sido interrompidos devido ao mau tempo. Após a localização por terra, as condições climáticas melhoraram e os sobrevoos puderam ser retomados.

O bimotor decolou na quinta-feira (28/03) do Aeroporto Estadual Comandante Rolim Adolfo Amaro, em Jundiaí, com destino ao Campo de Marte, em São Paulo. No entanto, não foi possível concluir a viagem e o piloto decidiu retornar a Jundiaí.

O último contato via rádio foi por volta das 23h de quinta-feira, quando a aeronave estava sobre a Serra do Japi. A Polícia Militar foi acionada às 15h de sexta-feira após relatos de possível queda de avião na região.

De acordo com o Registro Aeronáutico Brasileiro (RAB), a aeronave estava em situação normal de aeronavegabilidade. A multinacional chinesa HKTC Do Brasil S/A, com sede em Hong Kong, é a proprietária do bimotor.

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco