Dois meses de trabalho · 02/09/2021 - 14h38

Campus Poeta Torquato Neto: Alunos de Jornalismo lançam três edições do Jornal “O Gancho”


Compartilhar Tweet 1



Alunos do 4º período do curso Bacharel em jornalismo da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), campus Poeta Torquato Neto, publicam nesse semestre as edições 37, 38 e 39 do Jornal “O Gancho”. O material foi feito na disciplina de Comunicação e Design Jornalístico, orientado pelo professor Dr. Orlando Berti.

Para o professor da disciplina, o jornal laboratorial é uma prova da qualidade dos trabalhos que os alunos do curso de jornalismo da UESPI vem fazendo, principalmente, no contexto pandêmico em que o mundo já passa mais de um ano.

“As três edições de O Gancho representam dois meses de trabalho do alunado das disciplinas de Redação para Impressos e Design Gráfico. Em tempos de pandemia, foi desafiador fazer um jornal assim. Mas o resultado está aí para a sociedade ver: material digno de veiculação e que mostra que o nosso alunado está em excelentes rumos para o mercado de trabalho”, disse.

Edições  do jornal O Gancho

As edições do segundo semestre desse ano traz  editorias de educação, economia, poder, cultura, comportamento, mudanças, esporte e políticas, dando destaque a notícias de interesse regional e nacional.

Edição 37ª-  O destaque principal é a educação da UESPI, onde o contexto leva a discussão sobre o tema: “Alunos que nunca conheceram a UESPI e estudantes que estão se despedindo após a pandemia da COVID-19”, a inauguração da pista de atletismo e Pesquisa que é destaque na Ucrânia e Japão.

Edição 38ª- Os destaques são a política, que mostra vantagens em pesquisas para presidente do Brasil; a reforma tributária que vem contada pelo ministro Paulo Guedes; na educação à volta as aulas; os prejuízos causados pela pandemia aos comerciantes da capital e a seca no sertão onde piauienses sofrem com a falta de água.

Edição 39ª- A edição aborda uma realidade vivida por muitas mães hoje no Brasil titulada: “Mães que criam seus filhos sozinhas têm dificuldades agravadas pela pandemia”, onde as jovens são os destaques nas editorias de educação, comportamento, economia e esporte.

“Tivemos uma experiência diferente, pudemos trabalhar como se estivéssemos em uma redação de verdade e acredito que isso é muito importante na nossa formação acadêmica. Produzir o Gancho foi além de fazer uma diagramação, pudemos ver a parte de escrita e edição das matérias, edição das fotos e colagens, até o processo final de escolhas do design. Foi uma boa oportunidade, visto que dificilmente trabalharemos com jornal impresso[ na vida profissional”, explica a aluna Lara Silva.

Ela conta que os desafios e as experiências de trabalhos práticos são inovadores e positivos para a experiência. Além de editora chefe da edição 38ª, a discente aborda em duas matérias do jornal sobre o museu do isolamento e sobre o lançamento do livro da Marcela McGowan.

Confira as edições do Jornal O Gancho:

O-GANCHO-37   

O-GANCHO-38

  O-GANCHO-39

Comentários