Via redes sociais · 01/08/2020 - 10h24 | Última atualização em 01/08/2020 - 10h33

Senador Renan Calheiros defende Aras e auditoria na Lava Jato


Compartilhar Tweet 1



O senador Renan Calheiros usou suas redes sociais nesta sexta-feira (31/7) para apoiar os questionamentos feitos pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, sobre os métodos usados pela operação Lava Jato. As informações são do Metrópoles.

Calheiros, que é réu na Lava Jato sob a acusação de ter recebido propina de empresas para manter Sérgio Machado na diretoria da Transpetro, subsidiária da Petrobras, afirmou que as irregularidades nas investigações da força-tarefa são anteriores à chegada de Aras no Ministério Público e que não há ninguém no país que seja “inaceitável” ou “acima da lei”.

“As trangressões conhecidas da #lavajato são anteriores ao PGR Augusto Aras. Não há ninguém inauditável ou acima da lei. A #vazajato evidenciou que essa auditoria é necessária. A resistência é tão injustificável quanto a nota de R$200″, postou o senador em sua conta no Twitter.

 


Comentários