Guilherme Boulos -

PSol aposta na polarização com Bolsonaro para reeleger prefeito

Além de São Paulo, onde tentará eleger Guilherme Boulos, o PSol definiu Belém como uma das suas prioridades na eleição municipal deste ano. A cidade é a única capital administrada pelo partido. As informações são do Metrópoles

Foto: reprodução

Com o atual prefeito, Edmilson Rodrigues, mal avaliado nas pesquisas, o PSol vai focar na polarização com o candidato apoiado por Jair Bolsonaro na cidade para tentar reeleger o psolista.

A estratégia é que a polarização de Edmilson com o candidato bolsonarista possa ajudar a enfraquecer a candidatura de centro apoiada pelo governador do Pará, Hélder Barbalho (MDB).

Nas últimas semanas, Barbalho lançou seu secretário de Cidadania, Igor Normando (MDB), como pré-candidato a prefeito de Belém. O candidato de Bolsonaro, por sua vez, deve ser o deputado federal Delegado Éder Mauro (PL).

Instagram

Comentários

Trabalhe Conosco