Destruição e descaso -

Franzé e Francisco Costa lamentam situação dos índios Yanomamis e parabenizam atuação do Governo

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado (Alepi), deputado Franzé Silva (PT), repercutiu em suas redes sociais a situação do povo Yanomami, em Roraima, que tem sofrido de fome e doenças. O deputado Francisco Costa (PT), eleito deputado federal, também comentou sobre a situação.

Foto: ALEPIFranzé e Francisco Costa

“Muito triste a situação do povo Yanomami, em Roraima. Completamente abandonados pelo ex-presidente. Mais uma tragédia que se soma ao rastro de destruição e descaso com a vida do povo brasileiro que ele deixou. Minhas orações aos Yanomamis e a todos os povos indígenas”, lamentou o presidente Franzé Silva.

“A infâmia que chocou o Brasil: Yanomamis tratados como brasileiros de segunda classe. Nos últimos 4 anos, 570 crianças mortas por falta de comida, a população morrendo de fome e por contaminação causada por garimpos ilegais”, escreveu o deputado Francisco Costa.

Os deputados também parabenizaram a atuação do atual Governo Federal. “O nosso presidente Lula e seus ministros, entre eles o ministro do Desenvolvimento Social, Wellington Dias, foram lá para assumir o compromisso pela vida e dignidade dos Yanomamis e demais povos indígenas, cuidando da saúde, da educação, do direito de ir e vir e, também, combater o garimpo ilegal”, escreveu o presidente da Alepi.

Já o deputado Francisco Costa lembrou que o Governo Federal decretou estado de emergência para enfrentar a calamidade sanitária e está levando o atendimento do Sistema Único de Saúde até a aldeia.

Fonte: ALEPI

Comentários