Três temas polêmicos -

Aborto, drogas e armas: veja qual candidato para a presidência da republica é a favor ou contra

Em toda a campanha dos candidatos a presidência da republica, diversos temas que chegam a serem polêmicos como aborto, legalização de drogas e de armas para a população brasileira estiveram presentes como propostas em debates. As informações são do Metrópoles.

Foto: Metrópoles

Aborto

O atual presidente Jair Bolsonaro, é contra o aborto. Já o ex-presidente da republica,Luiz Inácio Lula da Silva, também é contra o aborto. Lula, no entanto, comentou que o tema tem que ser pautado como questão de saúde pública, para que seja um direito de todos. Ciro Gomes  já declarou em suas falas que o aborto está relacionada a “esquerdismo infantil” e que “dispersa nosso povo”. Por fim, Simone Tebet  do  MDB  declarou no último debate  em que ela participou, que é contra o aborto. 

Legalização de drogas

Para Bolsonaro  a liberação das drogas seria “uma desgraça para o país”. Ele é contra a legalização das drogas.  O ex-presidente Lula  não deixou expresso qual é a sua posição em relação à legalização das drogas, mas defende uma “nova política sobre as drogas” e de combate ao tráfico. Ciro Gomes  não comentou nada sobre a liberação das drogas nas eleições deste ano.  Já nas eleições de 2018, expressou abertamente ser contra a legalização das drogas.  Já Simone Tebet  se diz contra a liberação das drogas.

Uso de armas

Desde a sua campanha de 2018, Bolsonaro  sempre foi a favor de armar a população brasileira. Após vencer as eleições, ele flexibilizou regras sobre armas de fogo no país que muitas delas foram derrubadas pelo STF. Lula  defende a posse de armas somente  para donos de fazendas e  desde que seja limitada. Ciro Gomes, também é contra o armamento da população brasileira, que o direito ao armamento deve ser mantido para pessoas que moram em locais isolados. Já candidata Simone Tebet  defende o armamento. 

Veja a matéria completa aqui.

Post Mídia: (86) 99947-6425

Comentários