Direitos políticos suspensos · 29/09/2016 - 15h09 | Última atualização em 29/09/2016 - 16h10

Justiça Federal condena ex-prefeito Auricélio por improbidade administrativa

Justiça Federal condena ex-prefeito Auricélio por improbidade administrativa


Compartilhar Tweet 1



O MPF-PI obteve na 3ª Vara da Justiça Federal a condenação do ex-prefeito de Jurema, Auricélio Ribeiro, pela prática de improbidade administrativa cometida de 1997 a 2000.

De acordo com a ação, o ex-gestor deixou de prestar contas relativas ao convênio firmado entre o município e o FNDE, através do qual recebeu a quantia de R$ 38.399,00.

O juízo da 3ª Vara Federal condenou Auricélio Ribeiro à suspensão dos direitos políticos por 3 anos; pagamento de multa civil valor de R$ 15 mil e a proibição de contratar com o poder público ou estabelecer benefícios/incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de 3 anos.

Cabe recurso contra a decisão.

Clique aqui e leia no blog BrJus

(Redação Teresina)


Fonte: Com informações da Assessoria